Publicidade
Segunda, 07 Agosto 2017 21:29

Fake News: Papa reconheceu dupla gay como "família"

Postado por

Um caminhão de sensacionalismo, duzentas pitadas de inverdade, quatro xícaras de purpurina... Bata tudo junto, e o que dá? Uma notícia em um site LGBT do Uol com a manchete: "Papa Francisco chama de família e parabeniza casal gay que batizou filhos na Igreja Católica".

A matéria, publicada hoje, diz: 

Em carta ao casal Toni Reis e David Harrad, que vive junto há três décadas, o sumo pontífice reconheceu como família a união entre o ativista brasileiro e o inglês ao parabenizá-los pelo batizado dos três filhos adotivos, de 11, 14 e 16 anos. A mensagem em nome do papa tem data de 10 de julho e foi assinada pelo secretário de Assuntos Gerais do Vaticano, o monsenhor Paolo Borgia. (...)

O texto é uma resposta à carta enviada por Toni e David ao religioso, no fim de maio, em que eles relataram a alegria de um casal de pessoas do mesmo sexo em ter conseguido batizar os filhos na Igreja Católica. No envelope também foram anexadas fotos do batizado, realizado em Curitiba em abril.

Vamos ser bem diretos: 

  • o texto da carta recebida pela dupla gay é PADRÃO, ou seja, milhares de pessoas recebem essa mesma carta pelo mundo. Inclusive eu já recebi uma, com um texto muio similar (confira abaixo a imagem). Para essas respostas-padrão, o Vaticano dispõe de um certo número de textos que variam levemente, e que vai alternando para enviar às pessoas que escrevem ao Papa;
  • não foi feita qualquer análise sobre a pessoa (ou as pessoas) que enviaram a carta ao Papa, portanto, não houve qualquer reconhecimento do Papa ou do Vaticano da dupla gay como família;
  • é muito provável que o Papa não tenha lido a carta enviada pela dupla gay. O texto-padrão diz que ele "viu com apreço" a carta, e em seguida faz um comentário bem genérico sobre o seu conteúdo - o que indica que esse "viu" não necessariamente quer dizer que ele realmente leu.

Agora comparem. Essa foi a carta recebida pela dupla gay brasileira, como resposta do Vaticano:

 

Essa foi a carta que eu recebi, como resposta do Vaticano:

Seria fantástico que o Papa realmente lesse todas as cartas remetidas a ele, mas isso é humanamente impossível. Só uma pequena minoria realmente é lida por ele. E para não deixar o restante do povo no vácuo, o Vaticano envia essas cartas com texto padrão. 

Então vamos aquietar o facho. O Papa Francisco não reconheceu dupla gay nenhuma como família. Há pouco tempo (em janeiro do ano passado), ele mandou na lata “Não pode haver confusão entre a família, querida por Deus, e qualquer outro tipo de união” (audiência do dia 22/01). Leram bem? Sobre isso, saiba mais clicando aqui.

22250 Segunda, 07 Agosto 2017 22:42

Comentários   

0 # Lara 13-08-2017 19:51
Se vocês pudessem comentar a respeito, sobre a Tia Socorro, que apareceu na Globo no Caldeirão. Um exemplo simples e poderoso de católica.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # 12-08-2017 19:38
Fora do assunto do post....vocês viram essa notícia de que o Vaticano está a preparar uma visita inédita do Papa para a Rússia?!

http://www.em.com.br/app/noticia/internacional/2017/08/09/interna_internacional,890490/vaticano-prepara-possivel-viagem-do-papa-a-russia-a-primeira-de-um-po.shtml

Isso me lembra imediatamente da profecia de Nossa Senhora feita em Garabandal, na Espanha:
"O papa irá à Rússia, a Moscou. Assim que ele retornar ao Vaticano, as hostilidades irão explodir em diferentes partes da Europa".
"A Mãe Santíssima explicou-nos que esta grande tribulação, que não era o Castigo, viria porque teria chegado um tempo em que Igreja parecia estar a ponto de morrer. Ela (a Igreja) iria passar por um terrível sofrimento. Nós perguntamos à Virgem o que é este grande sofrimento e ela disse-nos que era o "comunismo"".

http://www.mensagemdegarabandal.com/a-grande-tribulacao-antes-do-aviso2/
Responder | Responder com citação | Citar
-1 # João Pedro Strabelli 15-08-2017 11:34
— Sobre o papa —

Já reparou que Francisco mexeu em todos os vespeiros que tinha? Que chovem críticas e más interpretações? Isso lembra uma bem-aventurança, não? Mas ainda tem outra coisa: os simplezinhos, aqueles a quem Deus revela muitas coisas, amam Francisco, enquanto muitos sábios ficam dando indiretas. No ano passado, depois de muitas décadas de queda, o número de católicos aumentou em proporção maior do que o aumento populacional. Deus já mostrou pra gente que o Espírito Santo colocou o homem certo para nos guiar neste período de turbulência. Veja: não mexeu em dogma nenhum, abriu caminho para acolher a todos, foi duro dentro da Igreja quando precisou e é amável e acolhedor. Se ele for a Rússia, é porque isso está nos planos de Deus.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # João Pedro Strabelli 15-08-2017 11:19
— Em relação às profecias —

Não lembro se as aparições de Garabandal foram aprovadas pela Igreja ou não, mas lembro de ter lido que foram pedidas para serem olhadas com prudência. A Igreja é extremamente sábia nestas horas. Jesus revelou a Santa Brígida que obscureceu algumas passagens bíblicas, não para nos confundir, mas para nos ajudar. Saber exatamente quando e exatamente o que muitas vezes nos faz perder a esperança, se for muito difícil, ou nos faz relaxar, se for muito distante. Então, sabemos o que precisamos. Além disso, em toda mensagem confirmada de Nossa Senhora, Ela nos pede para termos esperança. Jesus também pediu isso aos Seus. Vamos ter.
Responder | Responder com citação | Citar
-1 # João Pedro Strabelli 15-08-2017 11:11
— Em relação à visita do Papa —

Você já reparou que na Invocação do Terço e em orações de Santa Brígida se pede pelas intenções do papa? E que Jesus, no caso das parábolas, explicou aos apóstolos coisas que não explicou aos outros? Se o papa for para a Rússia, pode ter certeza que é por desígnio de Deus. Afinal, Jesus também teve que ir a Jerusalém para cumprir a missão que Deus Lhe confiou. Também, se acontecerem coisas difíceis, não será por causa da visita do papa, este fato é apenas um ponto de referência para sabermos quando. Eu aconselho fazer algo que eu aprendi: reze pelas intenções do Papa. Não daquele jeito que a gente reza quando acha que sabe o que fazer e quer que Deus siga nosso conselho, mas para acontecer o melhor e lembrando que ele, o papa, sabe coisas que nós não sabemos. Se Santa Brígida pedia isso, quem sou eu para discutir o assunto?
Responder | Responder com citação | Citar
-1 # Alex Hoffmann 10-08-2017 01:34
Bom, esclarecimentos feitos tanto aqui pelo site como pela Arquidiocese de Curitiba, alguma coisa de esclarecimento saiu no jornal? Nada, nem uma vírgula, inclusive o jornal do Diário Catarinense teve uma página que estava praticamente voltada para esta carta que o Papa Francisco que mandou. Esclarecimentos, ficamos no aguardo, mas infelizmente duvido que saia, se sair será uma nota de rodapé com letras minúsculas que ninguém irá ler.
Responder | Responder com citação | Citar
+5 # Thiago Santos 09-08-2017 16:06
dessa forma, então não ouve erro por parte da igreja, em enviar cartas sem nem saber para onde estariam indo, como nesse caso, enviar para uma dupla gay e ainda chamá-los de família? não seria uma imprudência por parte da igreja? ou alguma irresponsabilidade?
Responder | Responder com citação | Citar
+3 # Carla 09-08-2017 12:26
As cartas são totalmente diferentes, a recebida por eles diz expressamente que o Papa Francisco deseja felicidades à família. Mesmo sendo uma carta genérica, a resposta foi pensada para ser encaminhada dessa forma. Olhando o papel e a assinatura, é evidente em que não há nada Fake na carta recebida por Toni Reis.
Responder | Responder com citação | Citar
-1 # A Catequista 09-08-2017 13:35
Ninguém aqui disse que a carta e fake. A notícia feita pelo site da Uol em cima da carta, essa sim é fake. O vaticano não deu aprovação a amasiamento gay nenhum.

Ambas as cartas possuem a mesma estrutura. A carta deseja felicidades à família porque, em geral, todo mundo tem família. A Igreja, por meio da Arquidiocese de Curitiba, emitiu ontem uma nota dizendo exatamente o que dissemos aqui.

A nota só não foi precisa ao usar a expressão "casal homoafetivo", pois casal só pode ser formado por dois elementos de sexos opostos. No mais, fica a nossa gratidão pela rápida resposta da Igreja:

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA IGREJA SOBRE A CARTA DO VATICANO À DUPLA GAY DE CURITIBA:
"Sobre a carta vinda da Santa Sé ao casal homoafetivo, esclarecemos que não foi escrita nem assinada pelo Santo Padre. A mesma veio da parte de um assessor. É de praxe a Santa Sé responder afavelmente todas as cartas que recebe. Não se trata, portanto, de uma aprovação à união estável do casal em causa." (Dom José Antônio Peruzzo, Arquidiocese de Curitiba, 08/08/2017).

E vale lembrar o que o Papa Francisco ensinou:

"NÃO EXISTE FUNDAMENTO ALGUM para assimilar ou estabelecer comparações, NEM SEQUER REMOTAS, entre as uniões homossexuais e o desígnio de Deus sobre o matrimônio e a família. É INACEITÁVEL que as Igrejas locais sofram pressões nesta matéria e que os organismos internacionais condicionem a ajuda financeira aos países pobres à introdução de leis que instituam o “matrimônio” entre pessoas do mesmo sexo." (Papa Francisco, Amoris Laetitia, 251)
Responder | Responder com citação | Citar
0 # GERALDO 09-08-2017 18:53
Mandei carta à Diocese de Curitiba (e a Caicó) explicando respeitosamente, o erro no uso da expressão "HOMOAFETIVO" (e "casal" homoafetivo) e sugiro que todos façam isso, p/ que as autoridades eclesiais percebam que o povo de Deus não está omisso.
Esta é uma expressão imposta de cima para baixo e não corresponde em nada à realidade substantiva e aos fatos. A expressão de Courage (única pastoral aprovada e estimulada pela igreja) é muito mais objetiva: PESSOAS COM ATRAÇÃO PELO MESMO SEXO.

Afetividade também existe entre pais e filhos, irmãos, amigos, etc. O que caracteriza clara e inequivocamente a chamada "homossexualidade" é propriamente a atração física, erótica. A dominação ideológica começa na imposição semântica vertical. Devemos nos recusar a usar expressões como: " não importa o "gênero" da pessoa.."mudança" de sexo, "homofobia" etc. Pois usa-las já é fazer o jogo da polícia de pensamento e suas manipulações.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # inacio 10-08-2017 17:31
O papa não falou em " pessoas gays" que buscam a Deus ???.....
Responder | Responder com citação | Citar
0 # luis inacio 10-08-2017 17:29
Favor me ajudar a saber lidar com a arquidiocese de BH . No plano pastoral diocesano fala em orientação sexual. em colégios católicos ensinam ideologia de genero
Responder | Responder com citação | Citar
0 # geraldo 11-08-2017 18:49
Luis, com raríssimas exceções não existe mais Escola Católica no Brasil. A imensa maioria está de joelhos, do modo mais subserviente, acrítico e cínico diante do poder estatal e econômico. Quem, dentro delas, se atrever a tão somente perguntar e questionar, já é logo perseguido e castigado com encarniçado, autoritário e frio fanatismo e fundamentalismo ideológico. O senso crítico está banido da escola católica pois ela se tornou mero aparelho ideológico do poder estatal a serviço das ideologias da TPC (TiraniadoPoliticamenteCorreto) e portanto, da destruição da inteligência humana e da domesticação das pessoas. Mas...como o Espírito do Senhor não dorme, novidades bonitas estão surgindo. Você ainda vai ouvir falar delas. E muito! O martírio vai acompanhar tais novidades, mas é assim que o reino de Deus avança.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Gustavo 09-08-2017 02:36
Olá catequistas, fico muito feliz em ver esta noticia de vocês esclarecendo os erros das pessoas mal intencionadas. Acontece que ontem eu comentei a um padre que tinha compartilhado essa notícia com um tom claramente apoiador, então eu o questionei e perguntei se ela não seria falsa e fiz um pequeno resumo sobre a ambiguidade da notícia e como as pessoas poderiam tirar conclusões precipitadas ou entender errado o que ela dizia. Falei que a igreja não apoia uniões homoafetivas, mas que as crianças não têm nada com o estilo de vida dos "pais" etc.

Resultado: entenderam errado e eu fiquei como o mal da história, o padre ocultou meus comentários (creio por estarem gerando muita repercussão) e o pessoal respondendo" não podemos ser hipócritas....temos que amar.....não podemos julgar", enfim aí resolvi dar uma olhada aqui pois fiquei aflito com isso, e então vi o site e estou muito satisfeito, rezo muito por vocês e agora rezarei ainda mais.... Abraços e paz da parte de Cristo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Dennis Silva 09-08-2017 00:55
É por isso que eu só confio em notícias sobe o Papa e o papado vindas de 3 fontes: Rádio Vaticana, L'Osservatore Romano ou o próprio site do Vaticano.
Responder | Responder com citação | Citar
+7 # CARINA ALMEIDA 08-08-2017 12:58
Ainda bem que tem o catequista pra desmascarar essas armadilhas do Diabo.
Responder | Responder com citação | Citar
+5 # rcesar 07-08-2017 23:00
Faz dois dias que eu li um texto deste site do uol onde eles falavam sobre como a Igreja arruinou o sexo na idade média, eles dizem que a autoria seria de uma especialista em idade média.

Bom fui checar e o texto é tradução de um texto de uma terceira pessoa, que apenas cita partes de uma palestra da referida especialista, totalmente falso, o texto original(em inglês pelo menos tem a decência de deixar claro que usou a tal palestra mais para pegar imagens que qualquer outra coisa, já o lgbt do uol esconde até a autoria o texto para fazer parecer que é de alguém que tem alguma autoridade)
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade