Publicidade
Quarta, 15 Julho 2015 01:09

Circo de Nero: de matadouro de cristãos a Sede da fé católica

Postado por

nero_cesar

Era, então, o século I. O Imperador de Roma queria se divertir. Não havia vídeo-game, nem Netflix, nem livros de colorir para adultos... Restavam a Nero César Augusto as surubas e o sadismo. Sem moral e sem limites, ele costumava se deleitar com a humilhação, tortura e morte de cristãos em seu circo macabro, localizado na colina vaticana.

Quando caía a noite, o Circo de Nero era muitas vezes iluminado por tochas humanas: cristãos amarrados em postes, sendo consumidos lentamente pelo fogo. De dia, as atrações eram as mais variadas. Alguns de nossos irmãos eram fantasiados como animais selvagens (com trajes de urso, tigre, leopardo etc.) e, jogados à arena, eram perseguidos e abatidos a flechadas, por “caçadores” habilidosos.

Os anos se passaram. Quem sabe, em algum lugar no mundo dos mortos (talvez um lugar bem quente), Nero tenha ficado abismado ao saber que, pouco mais de 200 anos após a sua morte, no lugar do seu amado circo de terror fora construído o templo principal da fé cristã. #ChupaNero

No ano 324, o Imperador Constantino inaugurou a primeira Basílica de São Pedro, cujo altar principal ficava sobre o túmulo do mesmo Apóstolo. O desenho abaixo mostra o local dessa antiga Basílica (que foi demolida anos mais tarde para a construção da atual Basílica, como já contamos aqui).

basilica_vaticano

Quis o Senhor que o trono de Pedro Apóstolo fosse construído sobre um terreno regado com o sangue precioso dos mártires – homens, mulheres e crianças que deram seu testemunho de amor e fé até o fim. Portanto, se um dia você tiver a graça de visitar o Vaticano (eu ainda não tive), não tenha pudor de, já na entrada da praça de São Pedro, se abaixar e beijar devotamente aquele solo santo!

A construção da Basílica de São Pedro apenas veio confirmar, visivelmente, algo que já era uma realidade havia muitos anos: a sede da fé cristã fora transferida de Jerusalém, o coração do judaísmo, para Roma, o centro do paganismo. E assim foi cumprida a profecia de Cristo sobre Israel:

"Por isso vos digo: ser-vos-á tirado o Reino de Deus, e será dado a um povo que produzirá os frutos dele." (Mateus 21,43)

Tal profecia é reafirmada por São Paulo. Ele chama os cristãos romanos de origem pagã de "oliveira selvagem", que foi enxertada no lugar dos "ramos cortados" (judeus que rejeitaram Jesus como Messias):

"Se alguns dos ramos foram cortados, e se tu, oliveira selvagem, foste enxertada em seu lugar e agora recebes seiva da raiz da oliveira não te envaideças nem menosprezes os ramos." (Romanos 11,17)

E também em uma carta de São Pedro podemos aprender esta verdade (notem que "Babilônia" era como os cristãos dos primeiros séculos chamavam Roma):

"A igreja escolhida da Babilônia saúda-vos...” (1 Pedro 5,13)

Salve, salve Roma, é eterna a tua história!

O OBELISCO VATICANO

No centro da Praça de São Pedro, os cristãos podem ver e tocar em uma testemunha dos horrores do Circo de Nero: o Obelisco Vaticano, de 25 metros de altura.

A história desse monumento é fantástica. Trazido do Egito a mando de Calígula, ele fora colocado bem no meio do chamado de Circo de Nero (ilustração abaixo). Em seu topo foi fixada uma esfera de metal, que, dizem alguns, continha os restos mortais de Júlio César.

circo_nero

No século XVI, o Papa Sisto V decidiu exorcizar o Obelisco – afinal, tratava-se de um objeto de culto pagão – e transferi-lo para a frente da Basílica de São Pedro. Foi loucura total, uma verdadeira proeza da engenharia! Ao longo de um ano, reuniu-se a força de cerca de 900 homens e 150 cavalos para transportar e erguer o gigante de pedra, puxado por cordas de linho.

No topo, uma cruz contendo alguns fragmentos da cruz de Cristo foi colocada no lugar da esfera de metal. E assim, o monumento pagão tornou-se símbolo do reinado da cruz no Ocidente, da vitória da verdadeira fé sobre os falsos deuses e ideologias.

Hoje, em muitos lugares da Europa, o cristianismo perdeu o vigor, é como uma religião de museu. Em todo o Ocidente, os valores cristãos retrocedem, dando lugar a um mundo sem Deus. Nesse momento, os cristãos são chamados a viver e a pregar o Evangelho com radicalidade. Não temos o direito de sermos mornos! Peçamos ao Senhor a graça de honrarmos o sangue dos mártires da Igreja primitiva, que pavimentaram com amor e dor o caminho da fé pelo qual seguimos, cheios de esperança.

Fontes:

ROPS, Daniel. A Igreja dos Apóstolos e Mártires. Editora Quadrante, 1988.

FONTANA, Domenico. Della trasportatione dell'obelisco Vaticano et delle fabriche di Nostro Signore Papa Sisto V, fatte dal caualier Domenico Fontana architetto di Sua Santita : libro primo. In Roma : appresso Domenico Basa, 1590 (Esta obra sensacional, cujo autor é o arquiteto responsável pela transferência do Obelisco, é de domínio público e pode ser acessada em arquivo digital neste link).

462 Terça, 27 Dezembro 2016 18:50

Comentários   

0 # Augusto Paiva 01-11-2016 05:26
''Todos os santos vos saúdam, especialmente os da casa de César.'' (Filipenses 4,22)
Responder | Responder com citação | Citar
+1 # Augusto Paiva 26-10-2016 08:01
Uns dizem, com razão, que a Igreja nasceu em Jerusalém, e não em Roma, tendendo assim a judaizar o Cristianismo e a descreditar a Santa Igreja Católica. Todo mundo minimamente conhecedor da história do Cristianismo sabe que o Espírito Santo desceu aos fiéis no pentecostes, em Jerusalém (At 2), e ele se espalhou por todo o mundo com os apóstolos ordenados por Cristo (Jo 20,21); e quem os ouvisse (Lc 10,16) e os recebesse receberia o próprio Cristo (Mt 10,40/ Jo 13,20). ''Porém, como invocarão aquele em quem não têm fé? E como crerão naquele de quem não ouviram falar? E como ouvirão falar, se não houver quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados, como está escrito: Quão formosos são os pés daqueles que anunciam as boas novas?'' (Romanos 10,14-15). ''E pergunto ainda: Acaso Israel não o compreendeu? Já Moisés lhes havia dito: Eu vos despertarei ciúmes com um povo que não merece este nome; provocar-vos-ei a ira contra uma nação insensata {Dt 32,21}. E Isaías se abalança a dizer: Fui achado pelos que não me buscavam [os gentios]; manifestei-me aos que não perguntavam por mim [os gentios] {Is 65,1}. Ao passo que a respeito de Israel ele diz: Todo o dia estendi as minhas mãos a um povo desobediente e teimoso {Is 65,2}.'' (Romanos 10,19-21) O pagão Naamã também é mencionado em Lucas 4,27 como um exemplo da vontade de Deus para salvar as pessoas que são consideradas pelos homens como menos piedosas e indignas da salvação. ''A estas palavras, encheram-se todos de cólera na sinagoga; levantaram-se e lançaram Jesus para fora da cidade; e conduziram-no até o alto do monte sobre o qual estava construída a sua cidade, e queriam precipitá-lo dali abaixo'' (Lc 4,28-29). Jesus diz sobre Jerusalém: ''Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas aqueles que te são enviados! Quantas vezes eu quis reunir teus filhos, como a galinha reúne seus pintinhos debaixo de suas asas... e tu não quiseste! Pois bem, a vossa casa vos é deixada deserta. Porque eu vos digo: já não me vereis de hoje em diante, até que digais: Bendito seja aquele que vem em nome do Senhor'' (Mt 23,37-39). Jesus encontrou mais fé em Jerusalém por parte de um centurião romano, um pagão, e, admirado, exclamou: ''Em verdade vos digo: não encontrei semelhante fé em ninguém de Israel''(Mt 8,10). E concluiu: ''Por isso, eu vos declaro que multidões [de gentios convertidos] virão do Oriente e do Ocidente e se assentarão no Reino dos céus com Abraão, Isaac e Jacó, enquanto os filhos do Reino [os judeus que rejeitarem o Messias] serão lançados nas trevas exteriores, onde haverá choro e ranger de dentes'' (Mt 8,11-12). Israel já não é Igreja: ''Por isso vos digo: ser-vos-á tirado o Reino de Deus, e será dado a um povo que produzirá os frutos dele'' (Mt 21,43). De tanto que os cristãos foram perseguidos em Jerusalém, e Jesus foi crucificado naquela cidade (Lc 9,30-31/ Jo 19,15-18/ Ap 11,8), os apóstolos se voltaram para os pagãos, pois a Igreja na Judéia sofria perseguição dos judeus que mataram o Senhor Jesus, que perseguiram os cristãos, que não são do agrado de Deus, que são inimigos de todos os homens, visto que proíbem de pregar aos gentios para que se salvem (1 Ts 2,15-16). São Pedro foi até ao Centurião Cornélio, um romano, que foi o primeiro gentio a converter-se (desde a pregação), para pregar a salvação (At 10,1-5/ At 11,12-13). Portanto, também aos pagãos concedeu Deus o arrependimento que conduz à vida (At 11,18)! Já quanto aos judeus, diz São Paulo: ''Era a vós que em primeiro lugar se devia anunciar a palavra de Deus. Mas, porque a rejeitais e vos julgais indignos da vida eterna, eis que nos voltamos para os pagãos'' (At 13,46). Ficai, pois, sabendo que aos gentios é enviada agora esta salvação de Deus; e eles a ouvirão (At 28,28). Em seu nome as nações pagãs porão sua esperança (Mt 12,21). Desse modo, todos honrarão o Filho, bem como honram o Pai. Aquele que não honra o Filho, não honra o Pai, que o enviou (Jo 5,23). O Senhor disse a São Paulo: ''Coragem! Deste testemunho de mim em Jerusalém, assim importa também que o dês em Roma'' (At 23,11). Ao ver os irmãos de Roma, São Paulo deu graças a Deus e se sentiu animado (At 28,15). Os romanos tiveram fé no Senhor Jesus Cristo (Rm 1,7-8) e foram enxertados (Rm 16,19-20). ''Eu sou a videira; vós, os ramos. Quem permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer'' (Jo 15,5). São Paulo Apóstolo, em Roma, pregava o Reino de Deus e ensinava as coisas a respeito do Senhor Jesus Cristo, com toda a liberdade e sem proibição (At 28,31). A obediência dos romanos tornou-se notória em toda parte, razão por que São Paulo se alegrou a respeito deles (Rm 16,19). A Igreja em Roma é saudada por todos os cristãos (Rm 16,16). Santo Inácio de Antioquia, bispo e discípulo do Apóstolo São João, disse que Roma preside a Igreja na caridade. E, sim, foi um verdadeiro milagre a conversão dos gentios, como no Pentecostes. A Igreja é universal, i.e., Católica. Não somente São Paulo esteve em Roma, mas também São Pedro, primeiro Papa. E Jesus está conosco até o fim do mundo (Mt 28,20). Salve Roma!: https://www.youtube.com/watch?v=rIttoRXb-y8 In Corde Jesus, semper!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Andrelina 25-07-2016 17:55
Andre nas página do Pe.Paulo Ricardo e vc obter conteúdos sucintos para conversar com essas pessoas. Há conteúdos para todos e para cadastrados.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Dionisio Pedro de Alcântara Lisbôa 24-07-2016 14:27
Apenas para esclarecer, há firme tradição de que o Coliseu também teve seus mártires ilustres, como Santo Inácio de Antioquia, martirizado entre 107 e 110 d.C., entregueàs feras durante o império de Trajano.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alysson Santos 23-07-2016 12:29
19. Naquele tempo, haverá um altar erguido ao Senhor, em pleno Egito, e, em suas fronteiras, um obelisco dedicado ao Senhor. Nem sempre o obelisco significou símbolo pagão, mas obrigado, esclareceu muito de como o obelisco foi parar no Vaticano.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Santos 17-04-2016 22:08
Que interessante. Estive na Praça de São Pedro várias vezes e só agora soube um pouco sobre aquele obelisco. Quanta história existe na cidade eterna não?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Fernanda Gomes Alves 16-07-2015 21:46
Catequista, Sou muito evangelizada através do site de vocês e queria que vocês me esclarecessem uma dúvida. Sobre os presentes que o presidente da Bolívia deu ao papa Francisco em sua última viagem apostólica, vi em alguns sites que o papa deixou os presentes aos pés da Virgem de Copacabana, padroeira do país, em outros, falavam que ele havia levado os presentes consigo para o Vaticano. O que realmente aconteceu? Se vocês fizessem um post especial com um resumão da viagem do papa a América seria muito esclarecedor para todos nós. Deus abençõe a equipe do blog! Aguardo resposta.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 16-07-2015 22:00
Fernanda, as duas condecorações, o Papa deixou aos pés da imagem da Virgem de Copacabana. Já o crucifixo horroroso, ele levou consigo para o Vaticano. Deus te abençoe tb!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Fernanda Gomes Alves 17-07-2015 20:09
Obrigada pelo esclarecimento catequista. Já vi o último post do blog, vocês sempre trazendo luz neste mundo de trevas!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Padre Orlando Henriques 16-07-2015 09:45
Gostei muito do texto! Alguém, há dias, me perguntava sobre um outro circo de Roma, o coliseu, enquanto lugar de martírio de cristãos. É que parace que há uma tese segundo a qual não foram lá martirizados cristãos; as opiniões dividem-se. No entanto, perante o vasto programa de jogos sangrentos que também tinha o coliseu (lutas de homens com homens, de feras com homens, de feras com feras, até batalhas navais quando se enchia de água... Era de manhã, à tarde e à noite), não acredito que, à mistura com tantas coisas violentas, não tenha lá havido também martírios de cristãos, e com fartura. Aliás, se assim não fosse, o lugar não teria sido transformado mais tarde em local de culto cristãos, como chegou a ser.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei 16-07-2015 09:20
Eu não sei como ainda não apareceu um sem noção dizendo que esta diversão de Nero de fazer arder os cristãos em tochas humanas, foi a principio da Inquisição. Uma coisa não tem nada a ver com a outra, uma era a diversão sádica de um louco o qual os cristão da época identificaram Nero como um verdadeiro anticristo, a besta do Apocalipse, já na inquisição, a morte na fogueira era uma pena capital aplicada ao hereges reincidentes, e o qual, ao contrário do que muitos pensam, não fora aplica em larga escala assim, tanto é, que se fosse para levar esta lenda negra da Inquisição de ter matado milhões de pessoas na fogueira, durante a idade média, a Igreja teria cometido outro crime, o ambiental, que não teria floresta de árvores o suficiente para matar tanta gente.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 15-07-2015 23:38
Creio que um filme que trata levemente da coisa toda é Quo Vadis. É um filme antigo, eu me lembro de assisti-lo quando era criança. Pra ver que já faz tempo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei 16-07-2015 09:15
Com tantas porcarias aparecendo na Televisão, bem que podiam reprisar de vez em enquanto, filmes antigos como este Quo Vadis, que também assisti a muito tempo atrás, e recomendo que quem não assistiu, assista, que é um filme que não da para deixar de assistir.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Luciane de Oliveira 15-07-2015 20:24
Senhores, Gostaria de elogiá-los sobre o conteúdo do site. Muito bom!! Parabéns!! Gostaria da opinião de vocês quanto ao Sr Olavo de Carvalho e Orlando Fedeli, pois, estou muito confusa quanto ao discurso de ambos. Att Luciane
Responder | Responder com citação | Citar
0 # André Luiz 15-07-2015 16:09
Com essa descrição do circo de Nero, agora dá pra entender melhor o porquê dos primeiros cristãos o chamavam como a besta do apocalipse.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # William Gomes 15-07-2015 16:06
Catequista, você esqueceu-se de acrescentar que a profecia de Cristo também é reafirmada por São Pedro em sua epístola: "A igreja escolhida da Babilônia saúda-vos, assim como também Marcos, meu filho." (1Pedro 5,13) *Babilônia: codinome para a antiga Roma pagã. Belíssimo post, mas #ficaadica.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 15-07-2015 16:23
Eita, é mesmo... vou acrescentar essa passagem. Vocês, leitores, enriquecem este blog demais.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Augusto Paiva 16-07-2015 00:48
Acrescente isto também, querida Catequista: ''A todos os que estão em Roma, queridos de Deus, chamados a serem santos: a vós, graça e paz da parte de Deus, nosso Pai, e da parte do Senhor Jesus Cristo! Primeiramente, dou graças a meu Deus, por meio de Jesus Cristo, por todos vós, PORQUE EM TODO O MUNDO É PRECONIZADA A VOSSA FÉ.'' (Romanos 1,7-8) Ou que tal esta: ''Saudai a todos os que vos guiam e a todos os santos. Os irmãos da ITÁLIA vos saúdam.'' (Hebreus 13,24) VIVA CRISTO REI! :)
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Mari 15-07-2015 14:45
Que benção de texto! :)) Nunca comento, mas gosto tanto do site que já cheguei até a fazer uma 'maratona' de leitura dos artigos... continuem a postar por favor, porque acho que já li quase tudo. Kkkk Me emociona a perfeição de Deus, da promessa "Tu és Pedro, e sobre essa pedra edificarei a minha igreja". As barbáries cometidas por Nero realmente nos entristecem, mas o fato de no mesmo lugar erguer-se hoje a sede da Igreja, nos renova a esperança de que o bem sempre prevalece. Que Jesus nos ajude a sermos melhores Cristãos! Deus abençoe.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Luiz 15-07-2015 14:34
Olá pessoal d'O Catequista. Sempre leio as postagens do site e gosto muito. (#ChupaNero!KKKKK!) Só uma curiosidade a mais sobre o obelisco: No dia em que o obelisco foi levantado, praticamente toda Roma acompanhava o ato na praça, mas a uma distância segura do centro. O capitão que comandava a movimentação ordenou que devia haver silêncio absoluto na praça. Absoluto mesmo! Nada de barulho! De modo que aquele que fizesse qualquer barulho seria condenado à morte. A cidade ficou completamente quieta. Começaram a levantar o obelisco. Só que as cordas não iam aguentar. Para refrescar (literalmente) as cordas o capitão ordenou: "Água nas cordas!!!". Aí tacaram água e levantaram o obelisco certinho, certinho. Agora, como o capitão quebrou o silêncio, ele foi preso. Mas se ele morreu ou se o papa o absolveu eu já não sei. Nessa parte cada um fala uma coisa. Mas é legal saber. Obrigado.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # João dos Quintos 15-07-2015 12:45
Só uma pequena correcção, o Circus Maximus nunca foi o circo de Nero César. O Circus Máximus foi o maior circo alguma vez construído e dele ainda hoje subsístem as respectivas ruínas no vale junto do monte Palatino, na margem esquerda do rio tibre. O Circo de Nero ficava na margem direita do rio, onde se localiza hoje o estado papal do Vaticano.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Fabão 16-07-2015 16:04
Curiosidade adicional... No Circo Máximo há relato de martírio de cristãos, assim como no Circo de Nero, mas no Coliseu, que está mais conservado e é muito mais famoso, não há nenhum relato semelhante.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 15-07-2015 12:49
É verdade, já corrigi. Obrigada!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # JB 26-10-2016 09:34
Aproveite também para corrigir a imagem. A imagem mostrada na postagem é do Circo Máximo e não do Circo de Nero. Dá para ver o Palácio Imperial à esquerda. É só procurar na internet. O Circo Máximo também tinha obeliscos, mas o obelisco do Vaticano nunca esteve no circus maximus.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 15-07-2015 12:36
Uma curiosidade: tomei conhecimento desse episódio medonho dos nossos irmãos feitos de "tochas humanas" aos sete de idade, ao ler o livro "A História do Mundo Contada para as Crianças", de Monteiro Lobato. É um dos melhores livros que já li na vida!!! É tristíssimo constatar que praticamente mais nenhuma criança brasileira tem acesso a essa obra do Lobatão, nem mesmo os adultos a conhecem. Aliás, a grande maioria dos professores ignora a sua existência. Como podemos ser tão negligentes com nossos tesouros intelectuais e culturais?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Eduardo Araújo 15-07-2015 14:37
Vivi, os politicamente corretos estão banindo Monteiro Lobato da biblioteca infantil, sob torpes acusações de racismo. Perdem e muito as nossas crianças. Também o li muito na infância, tomando café com tapioca e cream cracker. E posso afirmar que foi A História do Mundo Contada para as Crianças que despertou meu interesse pela história, assim com Viagem ao Céu povoou meus sonhos de astronomia. A obra-prima, dentre todos, é, na minha opinião, Reinações de Narizinho, uma imensa fonte de fantasia infantil, a fantasia tão boa para uma criança e que esses doentes ideológicos estão tentando fazer desaparecer.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # josemar 15-07-2015 12:31
muito bom saber disso.o catequista e um dos melhores blogs catolicos.acesso o blog sempre.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Elza Maria 15-07-2015 12:02
Muito obrigado a voces que pelo poder do espirito santo sabe falar a respeito de Jesus, Jesus deve ser o centro da nossa vida.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Evelise 15-07-2015 11:43
Olá! Gostei muito do artigo. Só queria tirar uma dúvida: sei da importância da Basílica de São Pedro, é onde provavelmente ele estaria enterrado, mas a sede de Roma não seria na Catedral de São João de Latrão?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 15-07-2015 11:56
Boa questão. Na verdade, São João de Latrão é a sede oficial do Bispo de Roma, mas, pela sua importância, a Basílica de São Pedro é vista mundialmente como a verdadeira sede do papado. Tanto que a sua imagem é um dos símbolos mais fortes do catolicismo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Jorge Lima 15-07-2015 11:36
Prezados d'O Catequista, Gosto muito do site de vocês. Sou leitor assíduo. Portanto, em primeiro lugar, obrigado por ajudar-me no caminho da Fé e parabéns pelo trabalho. Gostaria de uma opinião de vocês sobre a última visita do Papa Francisco à América Latina (e, logicamente, sobre as suas falas, por vezes, ambígua, e atitudes, em aparência, ou sob um determinado enfoque, pelo menos, ofensivas ao Catolicismo). É claro que todos devemos confiar no Espírito Santo; mas nem sempre, infelizmente, devemos apostar nossas fichas no Representante de Jesus na Terra. O que está acontecendo com o alto prelado de nossa Santa Igreja? Vocês estão meditando sobre? Para esses amigos está tudo normal? Ou estaríamos na iminência de uma grande batalha espiritual? Como a visita de um papa ao nosso continente é algo especial, natural que sites católicos discorressem sobre; por isso, aguardei ansioso um post desse premiado O Catequista... Desde já agradeço a todos que fazem este extraordiário site. Saibam que vosso apostolado está em minhas orações. Que São Miguel Arcanjo nos ajude na lute! No coração de Jesus e Maria, sempre. Jorge Lima
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Geraldo 15-07-2015 11:28
A ORDEM É DEMOLIR O TRANSCENDENTE DA FÉ EM JESUS CRISTO-IGREJA CATÓLICA! O resto das outras religiões já estão sob controle! O que captei até hoje é que há um processo formal de demolição do cristianismo católico que vem desde o Iluminismo para cá, advindo dele a (De)Reforma Protestante, cada vez mais privilegiando a deusa razão em detrimento da fé, assim como o novo deus-homem, cada vez mais evidentemente entronizado nos filósofos subsequentes, sendo os embrionários dos atuais revolucionários comunistas. Dessa forma, do sec. XIX adiante, quando a maçonaria constituiu-se mais formalmente, as perseguições à Igreja e à sua doutrina cada vez mais se intensificaram, e avançam em direção ao domínio deles, via subsidiários seus, os comunonazifascistas, hoje congregados apenas no primeiro e, ao mesmo tempo, aliados doutros totalitaristas, dos islamitas, adeptos de uma religião de fachada, de um deus falso, mas ávidos para dominarem o mundo, tão totalitaristas como os anteriores, dos quais eram aliados quando de suas existências, no caso, dos nazifascistas. Desde então, incrementando, vêm paulatinamente via mídia globalista, cada mais mais intensamente propagando suas ideologias sobre aparências de cristianismo, produzido em laboratórios de engenharia social para enganar o povo, bem dissimuladamente, como no momento a TL que finge ser católica, mas doutrina um catolicismo reduzido a um simples humanismo, atendente às ideologias atuais. Os êxitos dos marxistas com a esquerdista TL são tão grandes que os partidos comunistas estão liderando no Brasil, caso PT, a tal ponto que até a direção da CNBB os apoia - já que não os combate ou adverte de seu material-ateísmo - e o povo fica deixado ao léu, à mercê da continua lavagem cerebral que empreendem via perversões e mensagens sublimiares nas tvs, como nas novelas, BBs deturpando a consciência popular para o niilismo, implantando suas aberrações como a ideologia de gênero, aborto etc., e os católicos passivos, salvas as poucas exceções de sempre. Porque desse caos? Salvas as exceções, desprovido o povo de serias e repetidas advertências da Alta Hierarquia e do clero num todo, torna-se presa fácil e para aqueles omissos, merecendo o abaixo: "AS SUA SENTINELAS ESTÃO TODAS CEGAS, TODAS SE MOSTRAM IGNORANTES; SÃO CÃES MUDOS QUE NÃO PODEM LADRAR, QUE VÊEM COISAS VÃS, QUE DORMEM, E QUE AMAM OS SONHOS. E ESSES CÃES TÃO SEM-VERGONHA NÃO PODEM SACIAR-SE;... Is 56, 10-11.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sarah Néry 15-07-2015 11:24
Terrível, macrabo e diabólico são palavras fracas pra descrever o que foi esse circo de Nero. Não sabia das tochas humanas! Misericórdia! Adorei saber dessa história! Agora, então a palavra Vaticano tem origem no monumento dos pagãos? É isso mesmo? Esse é o tipo de informação que com pouco tempo de contemplação já nos leva à oração! Valeu Vivi! Oh, não sei se vc fala italiano mas deveria aprender! Deus há de prouver o blog sendo traduzido em outras línguas, não é possível! O blog é um patrimônio dos católicos, rsrs. Onde mais iríamos saber dessas coisas? :) Vamos morar um tempo na Itália! rsrs O blog O Catequista um dia será acoplado no site do Vaticano! Amém.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 15-07-2015 11:46
Sarah, na verdade, a palavra "Vaticano" tem origem em "colina vaticana". Creio que essa colina foi aplainada.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # André 15-07-2015 09:55
Muito bom saber mais sobre nossos nobres irmãos que defenderam nossa fé com tanta firmeza. Sinto muita vontade de bem evangelizar, mas está sendo muito difícil, a apostasia é uma epidemia, as pessoas simplesmente não querem saber nem entender. Alguns amigos que converso, querem mais justificar sua falta de fé do que entender e ler sobre a verdade. A ciência virou a nova religião, Darwin é o messias dessa gente. Indiquei oCatequista para esses tirarem as suas dúvidas, e eles dizem não querem perder tempo com essa "bobagem" de religião. Não acreditam em Deus nem tão pouco na religião. Tem pessoas que falam muitas coisas, que no fim não tenho como debater por não conhecer a fundo toda a história. Um exemplo é um amigo meu Prof. de história, que falou que a história do nascimento de Jesus não foi miraculoso, e que Jesus foi um superdotado, pois quanto mais sedo a mulher da a luz, as chances do primogênito ser inteligentíssimo é muito alta. Ele citou ainda "estudos" que comprovam isso, e aconselha suas alunas a terem filhos cedo. Claro fiquei enojado com isso e grato por minha filha não ter aula com ele. Falei para ele que é um absurdo isso, mas realmente não sei como contra argumentar contra essa tristeza, pois não conheço se realmente existe estudo nessa área, e tenho apenas a história bíblica para citar. O que mais me revolta, é que essa anta, sendo professor, deve ter doutrinado no minimo umas outras 15000 pessoas com essas bobagens, e essas 15000 pessoas com certeza ficam espalhando tudo isso. Afinal são 40 anos que a esquerda domina o ensino fundamental, academia e o ambiente cultural, e como o marxismo luta pelo fim das religiões, as mentiras sobre o cristianismo não devem ser poucas. Não consigo ler tudo para desmascarar esses caras que tem como profissão a desconstrução intelectual do povo de fé. Hoje para você estar preparado para derrubar esses argumentos tem que ser Doutor em Teologia, Filosofia e História, senão uma besta desta, que nada mais é do que papagaio de pirata do professor de faculdade dele, que com certeza tem outros tantos amigos professores divulgando as mesmas falácias, sempre serão maioria. Falando com o ex-seminarista, que agora está fazendo faculdade de música, relatou que defendeu um argumento feito pelo professor protestante de história da música, onde este falou que a obra "Carmina Burana" tinha sido encontrada em um mosteiro da igreja católica. Com sarcasmo ele falou para a turma: "sei, uma obra com conteúdo pornográfico em um mosteiro", dando a entender que a igreja é que havia encomendado ou produzido a obra. Então este explicou como funcionava a forma de index das obras nas bibliotecas daquela época, onde todas eram classificas em sacras e "do mundo". O professor até entendeu e desfez o mau-entendido perante a turma. Vi uma esperança nesse ex-seminarista. A esperança dura poucos minutos, pois em seguida, este me indica com paixão o conteúdo da teologia da libertação, indicou então o filme "Descalço sobre a Terra Vermelha", Dom Pedro Casaldáliga, falou que Padre Paulo Ricardo é muito radical, que os conservadores estão atrasando a igreja. Defendeu as ideias da TL apenas pelo aspecto dos paramentos utilizados nas celebrações, que são muito pomposos, e a realidade do povo é a pobreza. Sei que os pobres do qual fala o evangelho, são os pobres de espírito, e nesse aspectos, todo o ser humano é um pobre miserável. Mas não o convenci com este argumento. Para piorar na homilia da missa, o Padre cita o teólogo Karl Rahner, claro não vou condenar o Padre apenas por citar um teólogo que por cima embasa alguns aspectos da teologia da libertação, e também nunca lí nada de Karl Rahner, então como vou defender o que não sei. A situação se resume assim, os que estudaram muito, sabem muito do pensamento iluminista, portanto antropocêntricos, sendo assim não acreditam no transcendente e fazem de tudo para derrubá-lo, inclusive os sacerdotes da Teologia da Libertação. Os leigos caem facilmente na propaganda antropocêntrica, largamente disseminada por toda a mídia, aliada a falsa ideia que a tecnologia trouxe de obsolescência, onde as coisas ficam ultrapassadas a cada 3 ou 6 meses, como um celular. Sendo assim, como falar do evangelho que é uma verdade a 2000 anos, e explicar para essa gente que a verdade é imutável e portanto não tem como fazer uma versão mais moderna, tipo uma versão 6.0 da mesma verdade, e assim fazer essas pessoas começarem a se interessar a crescer espiritualmente!!? Rezo todos os dias para que o Deus me ilumine a saber o que falar para essas pessoas, pois no meu caso, com o conhecimento e sabedoria que tenho hoje, é melhor eu ficar quieto, pois vou acabar sendo comparado a radicais islâmicos, e não evangelizando eficientemente. Meu pensamento agora é tentar ao menos evangelizar meus familiares, que tem mais paciência e mais receptividade com minhas ideias. Com as pessoas crentes no cientificismo, vou cessar os embates, e continuar a ler e estudar para quem sabe talvez daqui uns 10 anos ter conhecimento e sabedoria suficientes para convertê-los ao Amor a Jesus Cristo. Excelente Artigo, Parabéns !!! Paz e Bem !
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Johnny 15-07-2015 12:08
Caramba Andre, teu testemunho com certeza eh semelhante ao de tantos outros que veem o mundo combatendo sem cessar a fe, iludidos pela falsa ideia de conhecimento, seja pelo cientificismo seja pelo marxismo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Dáltoni 15-07-2015 09:36
Bom dia, prezados! Profética esta frase no final do artigo: "Não temos o direito de sermos mornos!" Que o Espírito Santo mova os corações de todos os católicos para esta afirmação profética. Salve Maria!
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade