Publicidade
Segunda, 30 Novembro -0001 00:00

Papa Francisco descreve a família sonhada por Deus – descubra como ela é!

Postado por

“Não pode haver confusão entre a família, querida por Deus, e qualquer outro tipo de união”, disse o Papa Francisco, na audiência do dia 22/01. Diz aí qual é o ÚNICO tipo de matrimônio desejado por Deus, papitcho! Lá vai: “A família, fundada no matrimônio indissolúvel, unitivo e procriador, pertence ao sonho de Deus e da sua Igreja para a salvação da humanidade” (Fonte: News.Va).

O que o Papa quer dizer com “qualquer outro tipo de união”? Ora, são as uniões que contrariam a indissolubilidade do matrimônio (as segundas uniões), as uniões gays, que são essencialmente estéreis, e a novidade do momento: a surub... ops... poliamor.

Sobre as segundas uniões, já falamos aqui.

Quanto às duplas gays (ou às "famílias" poliafetivas), alguém pode nos perguntar: “O que vocês católicos (intolerântis, omofóbicus, inquizidôris etc.) têm a ver com a vida pessoal dos homossexuais ou poli-sabe-se-lá-o-quê?”. A resposta é: NADA! Cada um que faça o que bem entender com seu fiofó - e assuma as consequências disso. A nossa luta é contra a tragédia que está acontecendo na mídia e nas escolas, que empurram goela abaixo das crianças a ideia de que qualquer agrupamento de pessoas pode ser uma “família” equivalente à família tradicional.

A OMS, a agência da ONU que condenou o bacon, lançou um guia sobre a educação sexual para crianças dirigido aos ministros da Saúde e da Educação na Europa (acesse aqui o documento). Na página 29, o guia diz que a educação sexual dada pelos pais não é adequada para a sociedade moderna, por isso o Estado deve garantir que as crianças recebam a “devida” educação sexual. E o que seria isso? Que tipo de informações as crianças devem receber nas escolas?

Confiram alguns temas “educativos” indicados pelo guia da OMS para abordar com crianças de:

valei_me…0 a 4 anos – “o gozo e o prazer quando tocamos nosso próprio corpo; a masturbação da primeira infância”; “o direito de explorar a identidade de gênero”; “o direito de explorar a nudez e o corpo” (página 53).

…4 a 6 anos – “amizade e amor por pessoas do mesmo sexo” (página 57).

A ONU e os políticos de esquerda sabem que uma pessoa sem fortes vínculos morais e familiares é muito mais fácil de ser controlada pelo Estado. Por isso, jogam sujo e pesado para fazer a cabeça das crianças, sem poupar nem mesmo aquelas que estão no Jardim da Infância.

No Brasil, o MEC e as secretarias municipais de educação dominadas por políticos de esquerda estão seguindo à risca essa orientação depravada e perversa da OMS. Entre numerosos exemplos escabrosos, há o caso da cartilha pornográfica distribuída para crianças de 10 anos em Embu (veja aqui o vídeo) e, mais recentemente, o caso da cartilha com conteúdo gayzista entregue a crianças de 5 anos (isso mesmo, 5 anos!!) em uma escola em Uberlândia (veja aqui).

Quando colocados contra a parede, os representantes das secretarias municipais sempre tiram o deles da reta, na maior cara de pau! “Puxa, que coisa, não sabemos como isso foi parar na mão dessas crianças! Vamos investigar”. Esse povo deve achar que na testa dos pais está uma placa bem grande, com o escrito: OTÁRIO!

Se fulano é gay, se fulana é lésbica ou se um time de futebol inteiro resolve se poliamasiar, problema deles. Mas não obriguem a sociedade a aceitar que as crianças sejam doutrinadas desde os 4 anos a achar que é bonito homem beijar homem e mulher beijar mulher (detalhe: isso tudo usando o dinheiro público!). Esse acordo é possível? Ou a ditadura gay vai continuar a estender seus tentáculos sobre as nossas crianças?

“MAS FAMÍLIA TAMBÉM PODE SER AVÓ E NETO”...

Uma estratégia que está sendo usada é tentar convencer as pessoas de que as famílias tradicionais esfaceladas estão sendo excluídas pelo conceito de família formada por pai e mãe, assim como as duplas gay. O discurso falacioso é o seguinte: “Dizer que família é só pai, mãe e filhos é discriminar as famílias formadas por mães solteiras com seus filhos, pais solteiros ou viúvos com seus filhos, avós com seus netos...”.

Sim, uma pessoa que é criada só pela mãe, só pelo pai ou avô, ou pelos tios (né, homi Aranha?), certamente possui uma família. O ponto é: essa é a uma configuração familiar que se adaptou a alguma ocorrência triste ou indesejável – a morte do pai, da mãe ou de ambos; o abandono do pai ou da mãe ou qualquer outro motivo grave que impeça o pai ou a mãe de criar o filho.

Mas essa adaptação não exclui o fato biológico de que uma criança nasce da união de um homem e de uma mulher, e assim, naturalmente, o IDEAL é que seja criada com amor pelos seus pais que a geraram, tendo como referência os pólos masculino e feminino.

Então, abram o olho! Famílias que dignamente se adaptaram às dificuldades e fatalidades da vida não se comparam a “famílias” que na verdade são qualquer coisa, menos famílias de fato.

2679 Segunda, 21 Agosto 2017 19:12

Comentários   

0 # PARACLITO 23-04-2016 13:24
A ORAÇÃO DEVE FAZER PARTE DA VIDA DA FAMILIA,E TER AMOR CADA DIA PELA SAGRADA COMUNHÃO.
Responder | Responder com citação | Citar
+3 # João Pedro Strabelli 22-03-2016 19:37
Sabe aquela história infantil do rei está nu? Então, existem alguns fatos óbvios e históricos eu vivo repetindo para ver se um dia alguém repete por aí. • O casamento hétero é construção histórica Nem é nem nunca foi e a prova é que toda sociedade que sobreviveu por um longo tempo tinha como base aquela família que chamam de tradicional. Tá certo que nem toda sociedade foi para frente. Os etruscos, por exemplo, eram baseados na família e foram trucidados pelos romanos. Mas, as que sobreviveram só fizeram isso enquanto a base era a família com pai, mãe e filho, independente de se havia gay ou não (e havia), independente de se havia família incompleta ou não (e havia) e independente de se havia desintegração familiar (e… adivinhem?). Se a prova não adiantou, tem a explicação. Ela é simples: família, aquilo com pai, mãe e filho, mesmo que o filho não seja de sangue e mesmo que falte um, tem uma forma própria de se integrar que gera padrões de gastos e conduta social diferente. Explicando: os pais não serão tão ricos, já que filho costuma atropelar qualquer orçamento, mas o padrão destes gastos gera uma economia mais sólida. Famílias também não aceitam qualquer bandalheira, o famoso “Ah, todo mundo é assim”. Diferentemente disso, aquelas adoções só para provar que pode e realizar um sonho pessoal (veja bem, pessoal, não familiar) é muito mais tolerante com todas essas coisas. É fácil a sociedade passar disso para um faça o que quiser. Nesse ponto da conversa a gente escuta que havia preconceito e violência contra um grupo específico, só por isso não existiam famílias gays. • A culpa é do preconceito Taí um daqueles famosos casos de sim e não na mesma resposta. Os bárbaros que detonaram Roma, por exemplo, não tinham muita simpatia pelos não héteros. Baixavam o cacete neles sem dó, mas como era literalmente eles não gostaram muito. Qualquer um que pesquisar sobre a sexualidade de Roma e da Grécia antiga vão achar o carnaval brasileiro uma reunião de senhoras carolas. E isso não era nem um pouco escondido. A boiolagem corria solta e em algumas festinhas Sodoma e Gomorra se sentiriam amadores. Casos homossexuais eram muito comuns tanto na Roma antiga quanto na Grécia clássica. Mas, mesmo assim, a família era considerada a base da sociedade e, mesmo o cara tendo lá seus rolos por fora, protegia a família. Cinismo? Não, proteção mesmo. Todos eles sabiam, mesmo que por intuição, que enquanto a família fosse algo sagrado, essas sociedades durariam. Tanto que, quando tiraram a família do centro da sociedade, primeiro Roma dominou a Grécia e, quando Roma entrou na gandaia, foi a vez dos bárbaros detonarem Roma. Isso prova duas coisas: A família é a única instituição que mantém a sociedade; havia muitas sociedades que não discriminavam os gays. Para quem quiser mais evidências: a islamização da Europa pode ser atribuída a tudo: guerras, fomes, busca por melhoria de vida… Mas já pensaram que se os imigrantes vem e ficam é porque tem lugar? Ninguém vai imigrar para um lugar lotado de nativos, mas na Europa falta nativos para trabalhar, por isso que chega se arruma. Isso coincide com a desvalorização familiar. E está aumentando enormemente depois de algumas aprovações parlamentares deles que acabaram com a família. Afinal, se tudo é família, nada é. Guerra? Sim. Mas se não fosse o fim da família seriam muito menos, já que para ficar precisar ter espaço sobrando, empregos sobrando e gente faltando. Aliás, a sociedade europeia que abandonou a família está sendo substituída pela sociedade islâmica baseada, adivinhem no que? Não vou dizer que é a melhor, mas é a única baseada na família que tem por lá. Também dizem que menos filhos produz famílias mais ricas. Sim. Por uma geração. Há um rápido crescimento da renda per capita, devido a menores gastos com os filhos, e na geração seguinte começam os problemas da previdência social, crises econômicas, vinda constante e sempre crescente de imigrantes que trazem problemas sociais e de segurança. Qualquer coincidência não é mera semelhança. Só que não vejo isso discutido em lugar nenhum. Por isso teimo em posta. Gays sempre existiram e sempre existirão e, arrisco dizer, o problema não está aí. O problema é quando acabam com a família. É importantíssimo discutir isso, principalmente quando eleições acontecem. Aliás, se eu soubesse um pouco de inglês estaria dando palpites em blogs e posts de lá.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # marcos 15-02-2016 09:53
OLHA A IMPRENSA QUERENDO MACULAR A IMAGEM DE SÃO JOÃO PAULO II COM UMA MATÉRIA TENDENCIOSA, AEEE, GEEEEENTE: http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2016-02-15/correspondencia-revela-relacao-intensa-de-joao-paulo-ii-com-filosofa.html
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei. 15-02-2016 13:11
Li também Marcos, e logo me veio na cabeça uma frase de JESUS que disse: "A boca fala daquilo que o coração está cheio". Para esta gente que só tem a mente poluída, uma amizade parece depravação, ainda mais se esta amizade for entre um padre e uma mulher casada. Um padre, ou religiosos, que seja, se tiver amizade com uma mulher seja solteira ou casada, é porque tem algum caso com ela, se for com um homem, seja ele casado ou solteiro, o padre é gay e tem um caso com este homem. Se não tem amizade com ninguém, é um antipático, se faz algum carinho a uma criança, é um pedófilo, se tem amizade com jovens rapazes e moças adolescente é um efebófilo, ou seja, como é difícil ser padre ou qualquer outro religioso nos dias de hoje. Não é para menos que julgam a relação de Rute e Noemi que eram nora e sogra como uma relação homossexual, o mesmo que acontecia entre a amizade de Davi dom Jonatas, o qual tem gente que vê na amizade dos dois, uma relação homossexual, sem falar que tem gente que insinua a JESUS tinha relações com os 12 apóstolos e mais as mulheres que a ELE seguiam entre elas a mais notória Maria Madalena, o qual já até inventaram um suposto casamento entre eles, blasfêmias e mais blasfêmias. E isto não vai acabar nunca, porque infelizmente esta gente age ou por ignorância ou má fé, como nos dias de hoje o mau parece prevalecer sobre tudo, creio que é por má fé mesmo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # nurimar c. fernandes 12-02-2016 10:24
Tramita na câmara dos deputados a PL 122, que trata dos "direitos dos homossexuais contra a discriminação";sem dúvida um equívoc pois a CONSTITUIÇÃO DE 1988 dispõe de forma cristalina sobre direitos de todo cidadão brasileiro .Entendo que esta é sobretudo uma questão do DIREITO mas que o ativismo gay -ruidoso e agressivo -insiste na conotação religiosa.A PL afronta a liberdade de expressão , pilar das democracias constituidas. Centrar a discussão no viés teológico parece-me uma estratégia que serve ao lobby gay. Na esteira deste projeto propõe-se a permissão de mudança de sexo na criança e adolescente e com recursos SUS sabidamente INSUFICIENTES para atendimento de prioridades DA SAÚDE NO PAIS .Aqueles que pagam a conta foram consultados? Ainda nesta questão , não cabe uma discussão exclusivamente religiosa ,
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Gêneto Eugenio 11-02-2016 08:55
Acabaram de falar no Bom Dia Brasil que o Papa disse o que ele não disse... Muita cara de pau!!! Agora Portugal vai liberar adoção pelas duplas Gays por "ordem" do Papa. Misericórdia.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Padre Orlando Henriques 11-02-2016 20:53
Portugal vai ter adopção de crianças por duplas gays, mas não é por ordem do Papa: é mesmo por ordem desses gajos que estão lá no par(a)lamento, essa corja de gatunos apostada em dar cabo do que ainda resta de bom neste pobre país. Vocês não sabem? Portugal está a viver um verdadeiro pesadelo! Parece que está tudo a desmoronar-se! É de loucos! Já tínhamos aborto e “casamento” gay; agora está a ser a adopção de crianças por duplas gays e já está aí a preparar-se a eutanásia! E isto tudo em apenas 4 meses! As eleições legislativas foram em Setembro e o parlamento ficou completamente dominado por partidos completamente pró-aborto, pró-ideologia de género, pró-eutanásia e pró-raio-que-parta: Partido Socialista, Bloco de Esquerda, Partido Comunista Português e até, imagine-se, o Partido dos Animais. O povo, farto da austeridade imposta pelo governo PSD-CDS, e não encontrando no PS uma alternativa muito satisfatória, o povo acabou por dar muita força a partidos de extrema esquerda, em especial o Bloco de Esquerda, essa nova semente de veneno, que teve uma subida brutal: Tornou-se a 3ª força política do país! E nas recentes eleições presidenciais ficou também em 3º lugar! É um partido novo, mas está à frente do próprio Partido Comunista! Eu costumo dizer que o BE está para o PCP como o Estado Islâmico está para a Al qaeda. À direita temos o PSD e o CDS que não são o anti-vírus de que precisávamos contra esta desgraça: pelo contrário, deixam os seus deputados livres para votarem o que quiserem nestas questões. Parece que essa cambada de corruptos está toda de acordo no que toca às chamadas “questões fraturantes”. Neste momento, em Portugal não há partido nenhum com que os católicos a sério possam contar para defender o direito à vida nem os demais valores cristãos. Estamos sozinhos! E depois, vejo no facebook católicos a defender a adopção por “casais” homossexuais… É de mais para mim! Só mesmo um blog como este para vir aqui desabafar. No ano passado andámos, nas igrejas e não só, a recolher assinaturas para uma petição para alterar e lei do aborto: para deixar de ser gratuito, para as mulheres que quisessem abortar serem obrigadas a consultas de psicologia onde seriam encorajadas a não abortar… E conseguimos que a lei fosse mudada! Agora, o parlamento prepara-se para voltar a colocar a lei como estava antes, ao mesmo tempo que aprova a adopção por duplas gays. É muito triste o que se está a fazer deste país! Ninguém estrabouchou! Não houve nenhuma manifestação! A Conferência Episcopal, tarde e más horas, lançou um comunicado em que reprovava a adopção por duplas gays, mas não teve grande projecção… Eu acredito que «em Portugal se conservará sempre o dogma da fé», mas talvez seja num «pequeno resto de Israel», porque o panorama geral está feio.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei 11-02-2016 23:42
Padre Orlando vossa benção. Lamento o que está acontecendo aí em Portugal, mas na Itália as coisas também não andam bem por lá, já que o casamento gay esta preste a ser aprovado naquele país em que esta encravado a cede da Igreja Católica o Vaticano. Aqui no Brasil, as coias também não estão boas, por causa do zica vírus, a grupos querendo que liberem o aborto para casos de mulheres que estão grávidas de crianças portadoras de microcefalia. O que mais entristece nisto tudo, é povo católico que está desunido, poucos são os que se encontram no lado da Igreja, a maioria está com o mundão e ainda se dizem católicos, mas que diabo de catolicismo é este que aprova tudo que é porcaria apresentada pelo mundo. Me desculpe Padre Orlando, não quero ser pessimista, mas creio que o futuro da Europa será tenebroso, e esta chegando aos poucos, de barco, atravessando o Mediterrâneo, da Turquia a Grécia. Os muçulmanos será o castigo de DEUS para os europeus que deram as costas a ELE. E nós que estamos no outro lado do Oceano, e acreditamos que estamos livres de tal castigo, podemos se enganar, porque mais cedo ou mais tarde, por causa de nossa lerdeza e desleixo pelas coisas de DEUS, logo, logo este mesmo castigo estará batendo em nossas portas também.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Padre Orlando Henriques 12-02-2016 09:00
Sidnei, por falar em povo católico desunido e católicos que estão «com o mundão», nem de propósito, olhe só esta trampa que acabei de encontrar divulgada pelo site do Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura: http://www.snpcultura.org/havera_alguem_na_igreja_que_se_atreva.html#.VrzVdY9R7mp.facebook É de levar uma pessoa com juízo à loucura! Comentário que fiz: Que texto horroroso! Porque é que esse tal padre que o escreve, se está assim tão descontente, não se muda para os protestantes? Lá encontrará isso tudo com que sempre sonhou! «Haverá alguém que se atreva»? Que se atreva ele, se quiser ser coerente: porque é que ele é padre se acha que «as nossas missas» o que lhe «trazem à memória é o teatro do absurdo de Beckett»? Não teve coragem de sair do Seminário a tempo? Talvez seja ele que, afinal ele, nunca na vida se atreveu a ser coerente. O que é que ele quer dizer com não imaginar «os apóstolos ajoelhados diante de Jesus ou Jesus a recolher migalhas do prato»? Sugere, então que deitemos fora as migalhas? Um padre que não crê na transubstanciação e na Presença Real é uma burla ambulante. E que raio de serviço é esse da Pastoral da Cultura que publica um texto destes? Um secretariado católico que publica uma coisa destas perde toda a credibilidade. Estamos minados a partir de dentro!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei. 15-02-2016 08:21
Padre Orlando, pode puxar sardinhas o quanto quiser, se é para o bem da Igreja, em resgatar cânticos que são genuinamente compostos para a quaresma, é uma benção, porque nos dias de hoje, as equipes de cantos na Igreja estão esquecendo que cada época do ano, há cânticos específicos e andam misturando as coisas, isto quando não misturam o sagrado com o profano. E para piorar as coisas aqui no Brasil temos estas benditas campanhas da fraternidade que misturam campanhas sociais que mais parecem vir de ongs, com o que deveria ser proclamado para este tempo na Igreja, o chamado a conversão pelo arrependimento dos pecados, a confissão e o firme propósito de não pecar mais, porém, ao invés isto, muitos padres vão usar o púlpito não para chamar o povo a conversão mas, para falar de saneamento básico, coisas estas que associações de moradores de bairros, vilas e povoados poderiam fazer muito bem, indo a prefeituras e exigir do pode público tal intento, mas não usar os púlpitos das igrejas para fazer isto.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Padre Orlando Henriques 14-02-2016 14:52
Sidnei e Alex, desculpem estar a "puxar a brasa à minha sardinha", mas permitam-me também partilhar Cânticos de Quaresma e Semana Santa: Deus amou de tal modo o mundo - F. Valente / M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=awAYtHNC6Ws Adoramos Senhor a Vossa Cruz - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=4CRb8xiz1V4 Entregou-Se ao Sacrifício - F. Santos http://www.youtube.com/watch?v=64IxnOAlfQY Meu Povo que te fiz Eu? (Impropérios) - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=yMAXsHMoKHo Vitória, Tu reinarás! - D. Julien / A. Seiça http://www.youtube.com/watch?v=xxlfzU7MoE4 Depois de sepultarem o Senhor (Responsório) - A. Cartageno http://www.youtube.com/watch?v=g5SrDViGl9c Toda a nossa glória - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=8xvOs9oW_og O nosso Pastor, fonte das águas vivas (Responsório) - A. Cartageno http://www.youtube.com/watch?v=LblFSYNY8ko Cobriu-se a terra de luto - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=CPLS0Np3T84 Suportou as nossas enfermidades - F. Santos http://www.youtube.com/watch?v=XHXSfAT0_iQ Eu estive morto, mas agora vivo para sempre - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=J9ZDF5Tl8F0 Vinde, adoremos o Senhor (Invitatório) - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=2RUHPFxhja8 Hão-de chorá-Lo - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=rkCiqY5WU9k Em paz me deito - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=m-gu_GAtack Levantai-vos pórticos antigos - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=cQkh1K9X6Ho O meu corpo descansará - M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=qKfPsN9kL5s O Senhor salvou-me - C. Silva / F. Santos http://www.youtube.com/watch?v=lrNxynAk_vI Recebemos do Senhor | M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=9_s74iEB8qk Isto é o Meu Corpo | C. Silva http://www.youtube.com/watch?v=nAHrTE48hQU Cristo, Filho de Deus resgatou-nos com Seu Sangue | M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=lj6qhVlFC_4 Armam ciladas contra Mim | M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=241DPldFYZE O estandarte da cruz | M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=r-jshu-JJGg Revoltam-se os reis da terra | M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=EpnnT7ExPSc Era como cordeiro | A. Cartageno http://www.youtube.com/watch?v=2CQyEPCyr28 Deus não perdoou ao Seu próprio Filho | M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=uVMR6nVUrWc Jesus Cristo amou-nos | M. Luís http://www.youtube.com/watch?v=GXQmyJqBsxQ
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei 14-02-2016 09:53
Tudo bem Alex, se algum dia você vier aqui em Brusque visitar o santuário mariano da Madonna de Caravaggio, o Santuário de Azambuja, ou outro santuário que temos na cidade vizinha de Nova Trento o Santuário de Santa Madre Paulina, vamos ver se esbarramos por aí e viemos a se conhecer e como dissesse vamos rezar, trocar idéias e damos boas gargalhadas.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 13-02-2016 18:57
Sidnei, você me fez lembrar da infância, estas músicas eram cantadas sempre, tinha só o puxador de canto, e o povo todo ia num coro só. Você mora em Brusque, quem sabe um dia a gente se encontra não é mesmo? Pra conversar, se conhecer, rezar e dar umas rizadas. Se não der nesta vida, queira Deus na presença dEle lhe encontrar, se assim Jesus Cristo ver que eu mereça. Padre Orlando Henriques, Jesus é a salvação, mas esta salvação, o próprio Jesus a transmite pelas mãos do sacerdote, portanto, bons sacerdotes, garantia de salvação (claro para quem aceita ser salvo, porque quem não quer, pode fazer elefante virar girafa voadora que não tocará o coração, não mexerá com a razão, ainda proclamará blasfêmias)
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Padre Orlando Henriques 13-02-2016 17:33
Alex, obrigado, mas eu não sou a "salvação"... primeiro porque Cristo é que é a salvação; e depois porque me falta ainda crescer muito para ser um bom padre, ainda tenho muito a caminhar, a aperfeiçoar, acredite! Quem me dera ser um padre muito melhor! Quanto ao cilício, não lhe sei dizer pormenores... Se, por um lado, tenho respeito ao pensar que tantos santos o usaram, por outro lado, confesso, é qualquer coisa que me impressiona bastante! Eu não avançaria por aí, porque há outras formas de penitência que vão no mesmo sentido e que, se forem vividas a sério, com rigor, também não são nada "moles", logo a começar pelo jejum e a abstinência; também a renúncia a algumas comodidades e confortos próprios do nosso estilo de vida moderno pode ser um bom meio de penitência, que não vai nada fora desse mesmo espírito, até porque o cilício começa por ser um tecido grosseiro pelo qual se optava exactamente para contrariar o conforto: S. Thomas More, por exemplo, certamente para não se deixar iludir pela sua elevada posição, usava, por baixo das suas ricas vestes, uma camisa desse tecido. Por isso me parece que a renunciar a certas comodidades que a vida moderna nos proporciona é algo que vai no mesmo espírito.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 13-02-2016 14:39
É foi bem assim, e quem mais chiou foram os leigos, fiéis católicos. Daí como digo, campanha da fraternidade? Roubar nossa quaresma pra esta patifaria? Mas duvido que isto aqui não vai fazer muito purpurado chiar: http://fratresinunum.com/2016/02/12/campanha-da-fraternidade-um-desabafo-sacerdotal/ Só posso dizer uma coisa, pena de mim que sou fraco e pecador, mas tende misericórdia de vossos servos mais elevados, nossos Bispos e padres, pois muitos foram cegados pelo demônio e tantos outros estão acuados com muito medo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei 13-02-2016 13:28
Quanto ao Porta dos Fundos, eu não sei se trada do mesmo assunto, mas me lembro que no final de 2014, houve uma polêmica entre o Porta dos Fundos e o Cardeal de São Paulo Dom Odilo Scherer, porém, foi o único que se manifestou contra um program de mau humor que este pessoal fez, debochando da nossa fé católica, o resto do episcopado brasileiro, como o clero, ficaram todos caladinhos. Já o Marcos Feliciano não pertence a igreja Universal, mas a uma outra igreja ligada a Assembleia de Deus, porém, todos protestantes, e ele não foi o único a defender a fé dos católicos Silas Malafaia também o fez, em outras ocasiões, mas, fico sempre com um pé atras destas defesas destes pastores a nossa fé, justamente eles, que várias vezes atacaram tudo aquilo que nós cremos, portanto, não sei qual a intenção deles, de exercer esta política de morde e assopra.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei 13-02-2016 13:15
Alex, escutei esta canção da Campanha da Fraternidade deste ano, https://www.youtube.com/watch?v=vVydkEQOApY, e devo dizer: o musiquinha chata!. Querem canções para o tempo da quaresmo, por favor, voltem para estas daqui: https://www.youtube.com/watch?v=RSBVlW7uiiw https://www.youtube.com/watch?v=Fi2fKwmXmas https://www.youtube.com/watch?v=lUpczXwtF7c https://www.youtube.com/watch?v=UYjZ0FBPgpQ https://www.youtube.com/watch?v=z-FV29x3Q8M https://www.youtube.com/watch?v=Z2DbBHl_bvU https://www.youtube.com/watch?v=gLDmQEVqwKk
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 12-02-2016 22:01
Caro Sídnei e caro Padre Orlando Henriques, penso somente numa coisa, não que sei de data, mas estou sempre a falar com os meus, já estamos nos finais dos tempos, e não é loucura não. sídnei, discordo de ti, não serão os muçulmanos a trazerem os castigos para nosso Brasil, serão os comunistas e ateus. Está aqui algo que posso compartilhar e é verídico, mas, pouco divulgado: http://www.sacralidade.com/igreja2008/0178.castigos.html https://www.youtube.com/watch?v=bD5IF99Q6d8 Não são os comunistas e os ateus os culpados por trazer a tribulação para nós, os comunistas e ateus serão o instrumento de Deus para castigar este povo, os culpados vejam vocês por seus olhos: campanha da fraternidade 2016 da CNBB: Casa Comum, NOSSA Responsabilidade. Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca. Am 5.24 Eis a música tema: https://www.youtube.com/watch?v=vVydkEQOApY Eis a oração da campanha da fraternidade: http://campanhas.cnbb.org.br/cf2016/oracao-oficial-da-campanha-da-fraternidade-2016 Claro, nem todos os fiéis e nem todos os padres concordam com isto, tem padre, sei, que nem pega isto na mão, aliás, ao chegar na sua paróquia, joga direto no lixo. Pior de tudo, você sabe melhor que eu Sidnei, até conhece os fatos mais a fundo, mas, quando um site da internet chamado porta dos fundos fez vídeos horríveis contra Nossa Senhora, blasfemando feio, adivinhem só, foi o dito pastor Marcos Feliciano que em rede nacional defendeu Nossa Senhora, um protestante, pastor da igreja universal do reino de Deus, aquela do Edir Macedo. Bispo católico, só se o Sidnei sabe de algum, mas que eu sei, foram os fiéis católicos com os pastores protestantes, e um padre ou outro que defenderam Nossa Senhora. Quando os profetas calam as pedras falam. Desculpem, foi um desabafo, o que eu vejo é, não muito longe, castigos estão a virem por sobre nós. Justamente por coisas como estas aí em Portugal, aqui no Brasil, lá nos EUA, aliás, por todo o mundo. Padre Orlando Henriques, nossa salvação é o senhor e mais um punhado de Padres, sacerdotes de verdade. E graças a fiéis de verdade, que estão sendo calados a força. Mais uma coisa, Padre Orlando Henriques: e o cilício? Eu gostaria de fazer uso desta penitência. Como faço?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 11-02-2016 16:42
Não acredito... (!!!!) Vou ver se acho esse vídeo no site da Globo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Daniella Maria 09-02-2016 15:06
Olá, gostaria de indicar esse belo relato das vitórias conquistadas por essa jovem, que nasceu com microcefalia. Seus pais se recusaram a aborta-la ou a entrega-la para adoção. Uma doença que existe há tempos, mas só virou surto agora e que está sendo usada como motivo para reacender a velha discussão sobre a legalização do aborto. http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2016/02/160201_microcefalia_aborto_pontodevista_ss
Responder | Responder com citação | Citar
0 # nurimar c. fernandes 09-02-2016 01:10
A problemática da adoção de crianças por casais homossexuais sofrerá desdobramentos com o passar do tempo a medida que estudos SÉRIOS a respeito sejam publicados ; enquanto isto , o poderoso e ruidoso ativismo gay impõe sua cartilha e desavisados sequer aventam a possibilidade de discutir e ou ponderar benefícios e riscos resultantes ; tramita na Câmara a PL 122 de autoria de deputada do PT que trata da cirurgia de mudança de sexo na criança e adolescente a ser realizada pelo SUS isto é com recursos gerados por aqueles que pagam a conta.É no mínimo surpreendente-para usar de eufemismo-que com a crise da saúde no país onde prioridades não são contempladas cogite-se extemporaneidade.Graças à bancada evangélica, sempre rotulada de conservadora e retrógrada ainda não foi aprovado .
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 08-02-2016 20:45
Uma pergunta minha, se alguém por caridade quiser fazer a gentileza de responder, agradeço muito. E os Arautos do Evangélho? E a TFP? Que dizer e ou pensar deles?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # adriano 13-02-2016 11:14
Olá Alex, eis aí uma grande confusão. A história é a seguinte: A antiga TFP (que era uma associação civil) rachou após a morte do Plínio Correa de Oliveira. De um lado ficaram os membros mais velhos (dentre os quais Adolpho Lindemberg,que é primo do dr. Plínio, Dom Bertrand de Orleans e Bragança, etc.), que hoje se reúnem no instituto Plínio Correa de Oliveira (IPCO), de outro lado ficaram João Clá (hoje Monsenhor João Clá), e os que lhe eram próximos, que constituíram os Arautos do Evangelho, que é uma associação de direito pontifício, com padres, irmãos e irmãs consagrados, etc. O IPCO se constituiu como associação civil, com atuação política e laical, enquanto os Arautos foram concebidos enquanto associação religiosa. É difícil saber quem "manteve mais fielmente o espírito original da TFP", pois no IPCO estão o primo de Dr. Plínio e seus colaboradores mais próximos e antigos, enquanto no Arautos está o João Clá, que, embora mais jovem, era considerado um dos discípulos preferidos do Plínio. Após disputas jurídicas, os Arautos foram considerados os sucessores legítimos da TFP no Brasil, tanto que o IPCO não pode usar o nome "TFP" nem os seus símbolos antigos, tais como a capa rubra, o leão rampante, etc. Se fossemos só até aqui já teríamos uma confusão danada. Pra piorar, existe ainda um terceiro grupo, que saiu da TFP acusando os seus membros de promovem um culto ao Dr. Plínio já em vida, e mais ainda após a morte. Nesse grupo estão o Giulio Folena e o Orlando Fedeli, sendo que este segundo fundou a Associação Cultural Montfort, já conhecida de muitos. Tem livros e polêmicas mil envolvendo isso. O Folena escreveu um livro contra a TFP, Fedeli escreveu outro. A TFP escreveu livros em resposta aos dois. São todos livros longos... Essa é a polêmica toda. Agora minha opinião. São tantas confusões, ânimos exaltados, disputas antigas, de tal sorte que é melhor nem se meter nesse saco de gatos, também para não acabar proferindo juízos temerários, acusações injustas, ou ferir desnecessariamente a unidade da Igreja. Se alguma das partes dessa confusão tomar uma boa decisão, escrever um bom texto em defesa da Fé, oferecer um bom curso, aplaudamos, se for tomada alguma decisão errada reprovemos. Analisemos os atos concretos de pessoas concretas, e sejamos justos. Um abraço.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Elias Oliveira 08-02-2016 19:12
Não achei nenhuma editora que publique atualmente a tradução do Padre Manuel Matos Soares, só achei em sebos.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Elias Oliveira 08-02-2016 19:08
Catequista.Vocês poderiam fazer um post sobre as melhores traduções da Bíblia no nosso idioma.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # ivam godoy 08-02-2016 12:47
s comentários,mas já que estão liberando, vou te dizer uma coisa, larga de ser estúpido, até parece que só colégios protestante fazem cursos pré vestibular de forma gratuita, só colégios protestantes é que são bons, só vocês são última bolacha do pacote. Queres um bom exemplo de caridade cristã católica com relação a cursos pré vestibular gratuito está aqui: http://igtecnologic.com.br/pabx/ , isto é só um exemplo de tanto que deve haver por este país afora, portanto meu caro, não queira comer ovos e arrotar caviar por cima de nós e só em você arrotar vamos var que você não é um bacana, mas um baita de um mau educado. Quanto as mensalidade de colégios católicos serem caros, e daí, tais com inveja que por exemplo o Colégio São Bento do Rio de Janeiro entre um ano e outro sempre está em primeiro lugar no ENEM?. Se eu fosse o governo sabe o que iria fazer, iria estudar a forma como estes colégios administram a educação de seus alunos, começando pelo investimento no mesmo valor que estes colégios aplicam para cada aluno na rede pública e também na aplicação na disciplina, garanto, que em pouco tempo teríamos uma educação de altíssima qualidade. Em vez de ficar com bronca das mensalidade caras de colégios particulares católicos, o governo deveria aprender com estes colégios levando para as salas de aula o mesmo método utilizado por eles, mas, tem gente que ao invés de propor isto ao governo, fica falando mau dos colégios católicos, tudo para falar mau da Igreja Católica e de nós católicos. Então sr. Leonardo, se é para ficar aqui com gracinhas estúpidas, é melhor picar a mula, que você já deu seu recado, e que parece, não convence a ninguém. http://igtecnologic.com.br/pabx/
Responder | Responder com citação | Citar
0 # ivam godoy 08-02-2016 12:44
Essa carta foi enviada aos estilistas Dolce e Gabbana, em apoio às suas declarações a favor da família tradicional. No final da carta, estão citados quatro livros, tente adquirir e ler algum deles, ao menos. Assim, você verá que a questão da adoção por duplas gays tem consequências graves, e não podemos nos dar ao direito de ser ingênuos com isso. Confira a carta na íntegra: http://www.acidigital.com/noticias/adotados-por-homossexuais-apoiam-dolce-e-gabbana-em-sua-defesa-da-familia-composta-por-pai-e-mae-42212/
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Paulo 04-02-2016 16:12
É fato que no dia das manifestações na Italia do dia das familias, o papa Francisco nem mandou mensagens para ela?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Paulo 04-02-2016 16:09
Tem havido questionamentos na net de, no recente dia da familia, o papa Francisco não ter mandado nem uma mensagem aos manifestantes pró familia tradicional, tem fundamento isso? No fratresinunum. "
Responder | Responder com citação | Citar
0 # marcos 01-02-2016 09:44
Agora, a microcefalia virou bandeira das abortistas: http://ultimosegundo.ig.com.br/igvigilante/2016-01-31/microcefalia-reabre-discussao-sobre-aborto-no-brasil.html Tudo é motivo pra essas criaturas quererem o genocídio de crianças não nascidas... Mas o mais impressionante, pelo que tive a impressão, é que nenhuma delas é mãe de criança com microcefalia...
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 03-02-2016 23:32
Será que esta gente não desconfia nem um pouquinho que fazendo isto, sangue inocente recairá sobre eles no julgamento particular, depois mais ainda no julgamento final? Será que já não estão recebendo orientações diretamente do demônio? Tais pessoas dizem não acreditar nestas coisas, mas quem é o pai da mentira? O demônio, e este ensina bem aos seus.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Padre Orlando Henriques 04-02-2016 06:49
Talvez alguns até desconfiem, mas o mistério da iniquidade tem razões que a razão desconhece.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # tiago 31-01-2016 21:21
Pessoal do Catequista, será q vcs poderiam fazer um post sobre o Padre Cícero? No Ceará, especialmente no Cariri, o Padre Cícero sempre foi alvo de devoção, de grande parte da população, e agora ainda mais devido a este perdão que a Igreja o concedeu. Desculpe por estar postando no campo inapropriado, mas acho q muitos gostariam de um post sobre ele! Grato desde já Parabens pelo blog, eu sempre acompanho!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 30-01-2016 14:32
Tu deve estar lendo e puto dos cornos por não liberarem mais teus comentários. Bom, então chupa esta manga: em Rio do Sul, cidade do estado de Santa Catarina, na região do alto vale do Itajaí, existem vários colégios particulares, um de origem laica (pra não falar diretamente ateu), um luterano com nome de Colégio Sinodal Rui Barbosa, outro metodista, outro adventista, e dois católicos: Colégio Dom Bosco e Colégio IMA - Instituto Maria Auxiliadora, deve ter mais algum, mas os mais importantes são o luterano e os dois católicos. Bom as escolas mais procuradas são justamente os colégios católicos, pois possuem excelente qualidade com mensalidades acessíveis a toda pessoas que é pobre, fora que, quem é seminarista dos Salesianos não pagam nadica de nada. Já o colégio luterano as mensalidades são caríssimas, inacessíveis para pobre, aliás, eles nem fazem questão de que pobre vá estudar lá, e bolsa? Nos colégios católicos tem, se é pobre mas tem vontade de estudar, não é impedido disso. Claro que vagabundo não se cria, nem tem esta história de coitadinho dele, mas é pobre (lasque-se a condição social, tu vai lá pra estudar, escreveu não leu o pau comeu). Aliás bolsa no colégio luterano? Se você leva a tua de casa tens onde por teus cadernos, senão carrega seu material debaixo do braço.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 30-01-2016 13:51
Só experimentando se dá certo, não estou conseguindo mais comentar, pelo computador, só pelo celular, e aí é uma lástima.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # vera 30-01-2016 00:14
Alguns esclarecimentos relativos às afirmações de que as instituições católicas de ensino são voltadas para a elite e não oferecem bolsas de estudos: 1-Na PUC- Rio o número de alunos de graduação que têm alguma bolsa (não necessariamente bolsa de 100%) ultrapassa o número de alunos que não têm (isto é, pagam mensalidade integral), na base de 6 para 4. Em termos de receita através destas bolsas, variando ao longo do ano, agregando os valores, para cada 100 alunos que pagam integralmente, 51 não pagam nada. Além da redução, ou isenção, da mensalidade, existe na PUC-Rio um programa, mantido por doações, que ajuda os estudantes carentes com transporte e alimentação. Quase todos os alunos de pós-graduação que não têm bolsa do CNPq , CAPES ou FAPERJ, têm bolsa da PUC (uns 90%). 2-As mensalidades do curso diurno do Colégio Santo Inácio no Rio de Janeiro mantêm um curso noturno para estudantes carentes, cuja mensalidade é de cerca de R$25,00. Este curso atingiu proporção tal, que já é conhecido como o “segundo Santo Inácio“. Ele tem ótima qualidade, com excelentes qualificações, no ENEM e nos outros critérios de avaliação, ficando acima de outros colégios particulares considerados de bom padrão. 3-No Colégio Salesiano de Rocha Miranda, um aluno cujos pais têm renda relativamente baixa, recebeu a proposta de uma redução na mensalidade sem que ninguém houvesse pedido, mas porque a direção, analisando sua ficha, supôs que houvesse necessidade. (Não havia, porque o estudante é ajudado por outra instituição católica, mas a direção do colégio não tinha esta informação). 4- No colégio São Paulo, em Ipanema, em 2014, a maioria dos alunos da turma 181 do oitavo ano do ensino fundamental era bolsista. Menciono apenas estes fatos, porque deles tenho conhecimento pessoal. Mas não há razão para pensar que a situação seja diferente em outras instituições católicas. Quanto às avaliações de assistentes sociais, são elas que permitem que os mais carentes sejam bem atendidos. Para que se tenha um ensino de qualidade, todos concordam que os professores devem ser bem remunerado e as instalações devem ser adequadas. Isto tem um custo, e alguém tem que pagar. Assistentes sociais têm a função de garantir que as pessoas com maior disponibilidade financeira assumam este ônus, impedindo que os não carentes recebam os benefícios que são devidos aos mais necessitados. É doloroso verificar quantas vezes são solicitadas bolsas por quem na verdade não precisa, apenas não quer que seja alterado seu o alto padrão de vida. Quanto a ser dirigido à elite, levando em conta a má qualidade do nosso ensino público, é verdade que os alunos destes colégios já são a elite intelectual do país, independentemente da situação financeira de cada um.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 30-01-2016 11:33
Obrigada, pelo comentário, Vera!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Emanuel 28-01-2016 20:22
E cadê as ''católicas'' abortistas pra dizer que o papa vai ''reformar'' a igreja,hein?Vai sonhando fia... Muito do que se diz sobre o Francisco são meias-verdades ou manipulações do que ele diz. Pegam uma frase, tiram do contexto e PLIM - criaram um Francisco fictício. O papa e sim uma pessoa simpática, mais sabe ser duro na queda quando quer.Hoje em dia TUDO virou família. E o pior e saber que a ONU ta metida nisso.Mas se prepara gente, que a aberração tá só começando. Ótimo trabalho como sempre. Duas perguntinhas: 1-gostaria de saber mais sobre a equipe do blog. Vocês tem um post se apresentando? 2- E a serie dos Papas? Quando volta? Que Deus os abençoe sempre!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 28-01-2016 21:41
Emanuel, nos apresentamos neste post: http://ocatequista.com.br/archives/category/equipe Quanto à série os papas, eu não sei dizer quando volta... Talvez em um mês. Obrigada, que Deus te abençoe tb!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Elias Oliveira 27-01-2016 13:29
Krzysztof Charamsa não curtiu isso: http://www.bbc.com/news/world-europe-34654581; Catequista vocês poderiam fazer uma post sobre "o loby gay no vaticano" que essa critura afirmou existir: http://www.bbc.com/news/world-europe-34542343
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Mateus Nunes 27-01-2016 01:31
Pessoal do blog, o que pensam sobre isso: http://br.radiovaticana.va/news/2016/01/25/apos_50_anos_de_dialogo,_igreja_ve_a_reforma_com_outros_olho/1203555 ?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # João Pedro Strabelli 27-01-2016 09:41
Se fosse para vencer na porrada Jesus Cristo teria dado o exemplo. Mas não, ele foi bem pacífico e tentou através do amor e da doação. Alguns dos cristãos já repararam que se todos nós amamos Cristo, mesmo tendo alguns pontos de divergências, temos o principal em comum. Foi neste sentido que ele fez estes comentários. Imagina o seguinte. O cara e a namorada brigaram mas continuam se gostando. Aí, depois de um monte de mensagens, telefonemas, recados de amigos, whatsapp, finalmente marcam um encontro para tentar se acertar. Mas o cara, na certeza de que ele está certo e ela errada, já chega dizendo: “Você está errada. Arrependa-se de tudo que fez. Você foi a pior coisa deste relacionamento. Assuma que tudo deu errado somente por sua culpa. Se não fizer isso imediatamente estará comendo outro erro”. Vai funcionar? Então, acho que estamos num momento de aproximação e de tentar focar mais nos pontos comuns. Com um canal de diálogo estabelecido, tem como discutir as diferenças. Sem a possibilidade de conversa, não. Ah, e tem o que ele disse sobre Lutero que incomoda profundamente. Dá a impressão de que falar que ele estava certo em alguma coisa vai fazer a Igreja assumir que está perdida e só fez besteira. Mas, vamos separar bem as coisas, reclamar da venda de indulgências é uma coisa e separar a Igreja é outra.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Mateus Nunes 27-01-2016 22:13
Sim, João Pedro, concordo em partes com você. Acho que o dialogo pacifico deve ser incentivado, mas sem jamais ocultar a verdade para tal. Sou submisso ao nosso Papa, Francismo, mas é impossível disfarçar os erros que ele andou cometendo como, por exemplo, aquele recente vídeo em que ele coloca a Sublime Religião de Cristo em equivalência com as demais religiões. O cristianismo é igual às outras religiões? Obviamente, não! Nesta entrevista, como você bem disse, o Arcebispo Brian Farrel, deixa subtendido que Lutero foi apenas um homem indignado com os erros da Igreja e que esta estava realmente errada e precisou ser corrigida (algo que aconteceu graças à intervenção de Lutero).
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sidnei 26-01-2016 22:06
Leonardo, eu não sei como o pessoal do catequista esta liberando teus comentários,mas já que estão liberando, vou te dizer uma coisa, larga de ser estúpido, até parece que só colégios protestante fazem cursos pré vestibular de forma gratuita, só colégios protestantes é que são bons, só vocês são última bolacha do pacote. Queres um bom exemplo de caridade cristã católica com relação a cursos pré vestibular gratuito está aqui: http://g1.globo.com/pr/norte-noroeste/noticia/2014/07/igreja-catolica-oferece-cursinho-pre-vestibular-de-graca-em-maringa.html, isto é só um exemplo de tanto que deve haver por este país afora, portanto meu caro, não queira comer ovos e arrotar caviar por cima de nós e só em você arrotar vamos var que você não é um bacana, mas um baita de um mau educado. Quanto as mensalidade de colégios católicos serem caros, e daí, tais com inveja que por exemplo o Colégio São Bento do Rio de Janeiro entre um ano e outro sempre está em primeiro lugar no ENEM?. Se eu fosse o governo sabe o que iria fazer, iria estudar a forma como estes colégios administram a educação de seus alunos, começando pelo investimento no mesmo valor que estes colégios aplicam para cada aluno na rede pública e também na aplicação na disciplina, garanto, que em pouco tempo teríamos uma educação de altíssima qualidade. Em vez de ficar com bronca das mensalidade caras de colégios particulares católicos, o governo deveria aprender com estes colégios levando para as salas de aula o mesmo método utilizado por eles, mas, tem gente que ao invés de propor isto ao governo, fica falando mau dos colégios católicos, tudo para falar mau da Igreja Católica e de nós católicos. Então sr. Leonardo, se é para ficar aqui com gracinhas estúpidas, é melhor picar a mula, que você já deu seu recado, e que parece, não convence a ninguém a não ser idiotas como o senhor.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # João Pedro Strabelli 26-01-2016 21:22
De vez em quando fico pensando: por que tanta ansiedade em se tentar transformar estes tipos de união em “casamento”? Moda? Modernismo? Ficar de bem na fita? Até é, mas ninguém chuta cachorro morto e muito menos fica repetindo o chute um monte de vezes. Daí penso que esse pessoal, lá no fundo e de modo meio inconsciente, morrem de medo que os valores que eles chamam de tradicionais voltem. Por isso essa necessidade desesperada de tentar acabar com tudo o mais rápido possível.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Leonardo 26-01-2016 12:39
Há pouco tempo postei um comentário questionando o por quê de os países de formação protestante serem mais prósperos que os católicos e meu comentário foi apagado.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 26-01-2016 13:57
Caro Leonardo, respondendo ou melhor, tentando lhe dar uma resposta; não é bem assim, pois tais países protestantes antes eram católicos, portanto, apenas usurparam o trabalho dos católicos; mas uma coisa que é bom notar: em países protestantes o número de ateus e anti cristãos é muito maior, bem como o número de pessoas que resolvem passar desta para a outra vida por conta própria chega a 40% da população, sem contar que é de lá que vem o feminismo, o geysismo, o comunismo, maçonaria, ateísmo, eais uma porrada e meia de diabruras. Lutero com sua revolta fundou o livre pensar, disso resultou a falência do homem. Mas uma coisa que talvez você não esteja inteirado é que, no meio protestante existe uma coisa chamada teologia da prosperidade, que prega justamente que um cristão para mostrar que está abençoado e unjido deve ficar rico, se ele é rico ($$$$$$$) está no caminho certo, se é pobre, sinal de que a fé dele é pouca. Protestantes não estão nem aí nem entendem o que é a verdadeira riquesa, que é viver numa busca constante pela santidade, para imitar isto inventaram outra cousa chamada puritanismo. Se temos a tdl (que nada mais é que o comunismo disfarçado, cheio de religiosas e vários religiosos entregues ao serviço desta nojeira), os protestantes tem a TDP. Porém, da uma olhada pra ver de onde que saiu grande parte da merda que existe no mundo hoje? De países onde o protestantismo reinou. Prefiro morar no Paraguai com $400.000,00 (1 real equivalem a 4 mil guaranis) Guaranis por mês, que 1 bilhão de dólares na Suíça.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Ricardo 26-01-2016 13:27
Por "países de formação protestante" você quer dizer Inglaterra, Alemanha, etc?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Mateus Nunes 26-01-2016 00:35
Pessoal do blog, o que pensa sobre isso: http://br.radiovaticana.va/news/2016/01/25/apos_50_anos_de_dialogo,_igreja_ve_a_reforma_com_outros_olho/1203555 ?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Lucas 25-01-2016 22:47
Muito legaL esse post. Será q tinha como vcs fazerem um de vocações? Pais que não aceitam, etc?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 26-01-2016 12:41
Oi, Lucas! Temos um Catecast sobre vocação: http://ocatequista.com.br/archives/16497
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Esteban 25-01-2016 19:13
Aí sim!!! Boa Francisco!!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 25-01-2016 15:56
E a barca de Pedro segue firme por mares tempestuosos. Os "católicos pão e mortadela" devem estar esbravejando, tentando achar alguma coisa para enegrecer ou distorcer o que o Papa falou e afirmou, pena que tem "católico jujuba" que acredita em duende e irá na onda.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Elias 25-01-2016 12:54
Boa Tarde, é com grande satisfação que primeiro lhe Parabenizo pelo Conteúdo, fonte de conhecimento e verdade. Infelizmente a maioria das pessoas da atual sociedade não aceita a verdade, como mencionado querem fazer que a gente engula esse monte de baboseira que chamam de democracia. Por favor, meu posicionamento acerca desse assunto é objetivo, família de verdade, é pai e mãe, nunca que outro tipo de união pode se comparar a uma família tradicional desenhada por Deus, Deus fez Homem e Mulher e nada mais, e isso faz as gerações continuarem, devemos viver segundo o plano de Deus. A mídia nos empurra todos os dias uma inversão de valores que nós católicos devemos evitar ao máximo e explicar a verdade para os demais... Excelente site e conteúdo de primeira, convido a conhecer o meu site também: discipulofiel.com.br Muito Obrigado
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Francine 25-01-2016 12:51
Do jeito que está, já não me surpreendo se nos chamarem de támandofóbicôs porque não concordamos com o "casamento" de um homem com um tamanduá. Não comparando um tamanduá com uma pessoa (longe disso), mas é cada loucura que aparece...
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Emerson José Stadnick 25-01-2016 12:36
Nas últimas décadas é fato que há um esfacelamento dos valores católicos verdadeiros. Seitas evangélicas, materiais didáticos doutrinários, bombardeamento ideológico nos meios de comunicação, Teologia da libertação entre (muitos) outros, fizeram com que a verdadeira fé fosse sendo esquecida e cercada por propostas mais "atrativas", mais que levam à perdição. Não querendo ser pessimista demais, mas sendo, acho que os homens acabaram entrando em um declive sem volta, que irá levar para a autodestruição dela mesma. O jeito é rezar, e muito, para que um bom numero de almas se salvem e ficar sobre as "asas" da Igreja, que nunca será subterrada pelo mal.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Julio Bacelar 25-01-2016 12:34
Hoje a humanidade quer ver qualquer coisa na frente, quer ver até o diabo, mas ver o sofrimento chegando . . .Aí é difícil. Não que devemos ser masoquistas e ficar buscando o sofrimento em todas as situações, mas enxergar o sofrimento com maturidade, como uma oportunidade de crescimento e oportunidade de tomar parte nos sofrimentos de Cristo na cruz deve ser para nós católicos uma regra de vida. (Afinal, nós somos a igreja da cruz) Esse questão de estar "sofrendo nos orfanatos" é bastante relativa, e cada caso tem que ser analisado. Com relação à violência familiar ainda tem a opção da criança ir morar com padrinhos ou parentes próximos. . . Enfim, para todos os casos também existe o Conselho Tutelar para intervir. Nesse caso Rodrigo, os meios não justificam os fins. Deus abençoe amigo.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Rodrigo 25-01-2016 10:29
Bom dia! O que dizer sobre o famoso argumento: "Melhor ver crianças serem adotadas por gays do que eles permanecerem sofrendo nos orfanatos ou lares cheios de violência."?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex 25-01-2016 14:45
Rodrigo, esse argumento pode ser facilmente combatido. Você pode usar os seguintes argumentos: 1) O estudo da Univ. do Texas: http://www.acidigital.com/noticias/um-estudo-revela-que-pessoas-criadas-por-gays-tem-mais-problemas-47882/ 2)O número de crianças esperando para ser adotadas é cerca de tres vezes menor do que o de pessoas querendo adotar. http://elisabeteporto.jusbrasil.com.br/noticias/134630963/numero-de-criancas-na-fila-de-adocao-e-menor-que-numero-de-pessoas-interessados-em-adotar
Responder | Responder com citação | Citar
0 # André Bohn 25-01-2016 12:46
http://epoca.globo.com/vida/noticia/2015/03/o-primeiro-caso-de-bdivorcio-gayb-no-brasil.html http://www.midiasemmascara.org/artigos/ciencia/13151-pais-gays-sao-prejudiciais-para-as-criancas.html
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 25-01-2016 12:10
Bom dia! O que poucos sabem é que, na maioria dos países do Ocidente – isso inclui o Brasil –, há mais casais que aguardam anos na fila da adoção do que crianças disponíveis para serem adotadas. Fonte: Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba: http://www.tjpb.jus.br/numero-de-criancas-na-fila-de-adocao-e-menor-que-numero-de-casais-interessados-em-adotar/ Então, o que muitas vezes ocorre é que, ao se entregar uma criança órfã a uma dupla gay, viola-se o seu direito de ter um pai e uma mãe. O mais importante é que as crianças recebam amor de uma FAMÍLIA, e um par de pessoas do mesmo sexo não forma uma família. Sim, um par de gays é capaz de dar amor a uma criança, porém, isso não anula os imensos danos causados à criança criada deste modo. Veja o que escreveram, numa carta conjunta, seis americanos (sendo um gay) criados por duplas gays: "Sabemos que os pais homossexuais podem ser amorosos, dado que amamos os nossos pais e eles nos amam. Não obstante, todos nós experimentamos em primeira pessoa a dura reação que segue quando se questiona a visão dominante da 'paternidade homossexual' como universalmente positiva." Essa carta foi enviada aos estilistas Dolce e Gabbana, em apoio às suas declarações a favor da família tradicional. No final da carta, estão citados quatro livros, tente adquirir e ler algum deles, ao menos. Assim, você verá que a questão da adoção por duplas gays tem consequências graves, e não podemos nos dar ao direito de ser ingênuos com isso. Confira a carta na íntegra: http://www.acidigital.com/noticias/adotados-por-homossexuais-apoiam-dolce-e-gabbana-em-sua-defesa-da-familia-composta-por-pai-e-mae-42212/
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Mateus 25-01-2016 09:52
Quando passamos a analisar os fatos é possível verificar que as Sagradas Escrituras já mencionavam que os verdadeiros cristãos passariam por perseguições nos finais do tempos. E ainda, em 2 Timoteo 4 diz: Pois virá tempo em que os homens não suportarão a sã doutrina, mas desejosos de ouvir coisas agradáveis, cercar-se-ão de mestres segundo os seus desejos,e desviarão os ouvidos da verdade e se aplicarão às fábulas. Hoje o CRISTÃO (com C maiúsculo) de verdade, não participa (mesmo que seja para dar uma espiadinha)de parada Gay, de assistir essa pornochanchada que a TV mostra, achando que tudo isso é normal, de musiquinha sexualizada. O capeta ta nadando de braçada e os mais desavisados estão achado que está tudo muito bom e bonito, é tudo normal, o povo tem que evoluir. Desculpa , se isto é evolução quero ficar estático. Quero ficar com o que ensina a Santa Igreja, quero ficar com o Magistério da Igreja e com sua Tradição, ESTOU COM FRANCISCO!!!!! Ai dos que habitam na terra e no mar; porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já tem pouco tempo.Apocalipse 12:12 "Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?" Lucas 18:8 Pensemos a respeito... Parabéns pela matéria e pelo site. Deus continue iluminando e abençoando e que Nossa Senhora conduza-os sempre os vossos passos
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Cadu Sindona 25-01-2016 08:10
Família meus caros amigos, é uma instituição bem específica da comunidade humana em que há a diferenciação de papéis sexuais: o homem faz a função masculina e a mulher a função feminina no ato sexual, de tal forma que o Estado pode tutelar justamente isso caso haja algum problema entre os cônjuges. Não pode ser família qualquer outra coisa seja do ponto de vista natural, biológico, físico-químico, jurídico, mas etc.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Francine 02-02-2016 18:25
Cadu, uma pergunta (nada a ver com o post): tem num blog aí que, se a pessoa ACHA que algo é pecado e faz mesmo assim, ela peca (mesmo que aquilo não seja de fato pecado). Sim, faz sentido pela intençao; mas como fica a confissao? exemplo esdrúxulo: se o sujeito achava que comer bacon era pecado, mas comeu mesmo assim, se arrepende, e só depois descobre que não, não era pecado algum, ele precisa ter o propósito de nunca mais comer bacon ou de nunca mais atentar contra a própria consciência?
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade