Publicidade
Quarta, 04 Julho 2012 08:00

Sobre bruxas queimadas e neurônios tostados

Postado por

(Co-autoria: A Catequista)

Todo o mundo “sabe” que a Igreja Católica caçou e fez torresmo de milhares de mulheres na Idade Média, acusadas de bruxaria. Infelizmente, o que esse todo o mundo não sabe – porque a preguiça intelectual os impede de perseguir a verdade – é que tudo isso é calúnia, e que seus neurônios é que foram queimados há muito tempo pelas fogueiras imbecilizantes da TV e das escolas desse braziu varoniu.

A minoria feliz que tem acesso a dados expostos por historiadores de verdade sabe (agora sem aspas) que a caça às bruxas foi um fenômeno protestante, em nada relacionado com a Inquisição. É algo bem ao feitio dos crentes: sua típica obsessão pelo capeta gera mil superstições, medos e histeria. A Inquisição, muito ao contrário, salvou muitas pessoas de serem mortas pelos senhores feudais, que faziam "justiça" por sua própria conta.

[caption id="attachment_6110" align="aligncenter" width="461"]hermione_harry_potter A galera de Hogwarts não teria sobrevivido à sanha dos protestantes naqueles tempos de caça às bruxas.[/caption]

Destacamos um trecho de um artigo sobre a Inquisição do renomado historiador americano Thomas F. Madden (tradução nossa):

"O simples fato é que a Inquisição medieval salvou milhares de incontáveis ​​inocentes (e até mesmo não tão inocentes) pessoas que de outra forma teria sido torradas por senhores seculares. (...)

"Durante o século 16, quando a caça às bruxas varreu a Europa, nas regiões onde as inquisições eram melhor desenvolvidas a histeria foi contida. Em Espanha e Itália, inquisidores treinados investigaram as acusações de 'Sabbath das feiticeiras' e torrefação de bebês, e concluíram que aquelas eram infundadas. Em outros lugares, especialmente na Alemanha, os tribunais seculares ou religiosos queimaram bruxas aos milhares. Nota: A Alemanha do século XVI era já quase totalmente protestante." (1)

É verdade que muitas pessoas, principalmente viúvas e suas filhas, foram realmente assassinadas na Europa Central. Só que NÃO PELA INQUISIÇÃO, mas pelos populares e pelos governantes seculares, que tinham todo o interesse em tomar posse de terras e suseranias. A Inquisição era chamada em muitos casos para dar um fim às barbaridades. Como ela fazia os relatos, muitos desses assassinatos caíram na conta dos inquisidores.

Não sou um historiador somente pelo diploma, mas pela análise que fiz do outro lado da moeda, pois estive ao lado dessas pestes – romancistas desonestos, e não historiadores – por mais tempo da minha vida do que gosto de lembrar. Mas tamanhas eram as inconsistências e as respostas apresentadas sem critério, baseadas não em fontes primárias, mas na simples opinião dessa gente, que, pela Glória de Nosso Senhor Jesus Cristo, pude ver que a verdade estava distante. O fato é que os protestantes mataram em 50 anos mais do que católicos em 500 anos em algumas partes da Europa. Isso são dados estatísticos baseados em processos analisados pela professora Anne Llewellyn Barstow (2), feminista radical, nada simpática ao cristianismo.

Isso sem contar, na Idade Moderna, a caça às bruxas promovida pelos puritanos ingleses que emigraram para a América do Norte. O episódio mais conhecido de toda esta desgraça é o do julgamento as bruxas de Salem, quando cerca de 30 pessoas - a maioria mulheres - foram mortas em um ano, acusadas de bruxaria.

Outro reconhecido historiador, Francisco Bethencourt, afirma:

"Confirmamos a idéia defendida neste livro: que a magia era considerada um 'delito' menor pela Inquisição e pelas autoridades eclesiásticas, nunca tendo sido submetida a uma análise séria, tanto no nível quantitativo (291 processos em 11 743, ou seja, 2,5%) como no nível qualitativo (pouquíssimos casos de tortura, um caso de excomunhão, ou seja, de execução)." (3)
É bom notar que estes dados servem somente para esclarecer aqueles que possuem um mínimo de honestidade intelectual. Já aqueles que não se esforçam para reduzir os danos da lavagem cerebral a que foram submetidos desde criancinhas... estes não dariam o braço a torcer nem que uma “bruxa” ressuscitasse e testemunhasse a favor da Igreja, em pleno horário nobre da TV Globo.

Mas um dia suas línguas provarão do próprio veneno que espalham por aí, pois o Senhor lhes pedirá as contas por toda calúnia espalhada contra a sua Esposa.

Notas:

(1) Thomas F. Madden. The Real Inquisition Investigating the popular myth

(2) Anne Llewellyn Barstow. Chacina de Feiticeiras - Uma revisão histórica da caça às bruxas na Europa. Editora José Olympio

(3) Francisco Bethencourt. O Imaginário da Magia - Feiticeiras, adivinhos e curandeiros em Portugal no século XVI. Companhia das Letras, São Paulo, 2004 (O autor é Professor de História e regente da cátedra Charles Boxer no King’s College, Universidade de Londres).

1169 Segunda, 01 Agosto 2016 14:28

Comentários   

0 # ana clara coan 14-11-2017 01:31
Finalmente alguem que fale alguma coisa certa sobre a igreja nessa historia!Muito bom trabalho !
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Pedro 16-09-2016 21:36
E aí, pessoal! O professor de história semana passada veio com essa história... Vocês teriam mais livros ou pesquisas científicas para indicar? Muito bom trabalho! Pax Domini
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Matheus 14-02-2016 15:35
Ótimo site
Responder | Responder com citação | Citar
0 # RicardoRodrigues 11-11-2014 10:27
Estes seus artigos são verdadeiramente um achado. Deus o abençoe!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # jaspion 02-06-2014 17:25
esse mito é bastante divulgado pelos anti-cristãos que odeiam estudar história. Leiam o livro: Para entender a Inquisição http://biblioteca-reacionaria.blogspot.com.br/2014/05/para-entender-inquisicao.html
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Estevão Andrighetti 13-05-2014 20:04
Bom....o Malleus Maleficarum não foi escrito à toa!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 13-05-2014 20:14
Bom... o Malleus Maleficarum foi rejeitado oficialmente pela Igreja, e jamais foi usado pelos inquisidores. Mas acho que você não sabia disso, néam... E aposto que nem deve imaginar que um dos autores do "Malleus" foi até mesmo condenado pela Inquisição, de tanta abobrinha que falava sobre demonologia. Ah, mas tudo bem! Vivendo e aprendendo. ;-)
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Luis Carlos 07-11-2013 19:52
Boa noite, gostei muito das informações....vlw
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Jose Lucio Mattedi 07-11-2013 19:26
òtima matéria p/ esclarecer sobre a Inquisição. Tb nos condenam, os Católicos, pelas cruzadas, eram os Cristão querendo ter acesso a Terra Santa, quando foi ocupada pelos Arabes. Os Papas lutaram tanto, e os Evangelicos em sua Hipocrisia atualmente são os que mais visitam a Terra Santa.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # andré 07-11-2013 17:13
Até o Papa já pediu perdão, por favor, não se comparem aos evangélicos, assumam o erro e peçam perdão, pronto!!! http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDG64866-6014,00-PAPA+PEDE+PERDAO+PELOS+CRIMES+COMETIDOS+PELA+INQUISICAO.html
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Jotacê 08-11-2013 09:44
Esse tal de "andré" (em letras minúsculas) é o típico "potrestante"... Vem aqui enfiar o dedo na nossa cara, apresentando uma matéria da GLOBO! Nossa, que fontes e dados confiáveis, "andré" (em letras minúsculas)!!! Vai apresentar algum link da Folha, do R7 ou de algum ridículo site "gospel", também?
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 07-11-2013 17:19
André, Seu comentário nos permite esclarecer melhor algumas coisas. Não estamos negando a Inquisição e seus abusos, e sim desmentindo que esse tribunal tenha promovido uma "caça às bruxas". Está claro isso? Os dados estão aí, estamos falando de estudos sérios, feitos por pesquisadores gabaritados. A Inquisição, na verdade, inocentava quase todos os acusados de bruxaria. Os inquisidores consideravam que essas acusações eram fruto de interesses materiais (caluniar a pessoa para tomar posse de seus bens, depois de morta) e por superstição. Até mesmo a Inquisição Espanhola considerou esse negócio de bruxa superstição. Eles condenavam, isso sim, os hereges que não se arrependiam. Nada a ver com bruxas. Quem fez a caça às bruxas, repito, foram os protestantes. Quanto ao pedido de perdão do Papa João Paulo II, recomendo que você se aprofunde sobre o assunto. Ele não pediu perdão pela Inquisição como um todo, mas sim pelos ABUSOS cometidos nesse tribunal. Ele não condenou a Inquisição, não, André. Essa matéria que você enviou da Revista Época está extremamente superficial e manipuladora: eles só contam o que aconteceu pela metade. Para entender melhor, leia o nosso artigo: O pedido de perdão de João Paulo II – tudo o que a mídia não contou pra você http://ocatequista.com.br/archives/7552
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Paulo Ricardo 07-11-2013 16:27
Ainda vou falar sobre as cruzadas, Cristiano.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # criviane 07-11-2013 16:25
Deixe o povo falar, a verdade é única, nossa igreja, é UNA e SANTA, fundada pelo próprio JESUS CRISTO. a qual devemos honrá-la , respeita e defendê-la contra toda calúnia, dirigida a nós por nossos irmão separados.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Cristiano 07-11-2013 13:07
Eu não considero o inquisição o pior capitulo da Igreja e acho que nem mesmo a Igreja o considera, pois pouco se esforça contradizer as afirmações que fazem sobre esse período. O que na minha opinião mancha de fato o passado da Igreja são as cruzadas, nada justifica as cruzadas, muitas vidas perdidas de ambos os lados por causa de um pedaço de terra.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Alex Hoffmann 24-12-2014 14:57
Cristiano, ainda bem que também existiram as cruzadas, eu, católico, irei a Aparecida, para assistir uma missa na Basílica de Nossa Senhora Aparecida, rezar e pedir pela salvação das almas de meus familiares, e assim como eu, quantos romeiros aparecem por lá. Imagina que a cidade foi tomada por um bando de arruaceiros, ateus, prostitutas, comunistas, e eles estão expulsando a pauladas, prendendo, torturando e até matando os peregrinos que para lá se dirigem. Querem tomar a cidade para eles, mas o pior é que irão saquear a Basílica, destruí-la, e em seu lugar, será instalada um prostíbulo, casa noturna, e a Imagem de Nossa Senhora usada como suvenir, enfeite num canto. E ai meu chapa, como ficamos eim? Lembra, tua mãe já está presa por este bando de malditos, quem sabe pode estar sendo torturada, passando fome e frio, quem sabe ameaçada de morte; que você faria? Se uniria a mais alguns para ir em marcha libertar este lugar das mãos desta gente, por conseguinte sua mãe, algum parente a mais, conhecido quem sabe? Eu o ajudaria, e assim se formaria um exército que libertaria este lugar de peregrinação, garantiria-se a segurança lá e também pelo caminho. Assim foram as cruzadas meu caro.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Felipe 04-11-2017 21:26
Você pode me enviar textos bíblicos que dizem sobre a salvação através de Maria? Já li a Bíblia e nunca achei, achei sim a salvação pela fé em Cristo Jesus. Obg.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 07-11-2017 12:12
Felipe, sua pergunta parte de um profundo desconhecimento sobre a fé católica. O Alex não disse que Maria é quem nos salva. Ele disse, isso sim, que ia rezar a ela pedindo a salvação das almas dos seus familiares - não porque ela vá salvá-los pessoalmente, mas porque ela tem grande poder de intercessão junto a Jesus.

Sobre Maria e sobre a intercessão dos santos, temos diversos artigos:

http://ocatequista.com.br/catequese-sem-sono/crente-fail/item/11796-intercessao-dos-santos-versao-biblica-e-versao-crente

http://ocatequista.com.br/catequese-sem-sono/crente-fail/item/11817-santos-do-ceu-intercessores-para-os-catolicos-ociosos-para-os-protestantes?highlight=WyJvY2lvc29zIl0=

http://ocatequista.com.br/catequese-sem-sono/crente-fail/item/16474-e-se-a-virgem-maria-batesse-a-sua-porta?highlight=WyJtYXJpYSIsImJhdGVzc2UiLCJwb3J0YSIsIm1hcmlhIGJhdGVzc2UiXQ==
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Maria Helena 07-11-2013 12:12
Não acho que Jesus vem pra nos julgar e nos jogar no fogo do inferno por algo que não sabíamos. Mas parabenizo a vocês pois eu sou catequista também e gosto de estudar sobre a igreja com afinco não só para catequisar mas para colocar em prática os ensinamentos de Jesus. Esta matéria é por muitos evitada, por mim mesma, jamais quis me aprofundar por achar muito macabra, mas o Senhor sempre encontra meios para nos abrir os olhos. Agora vou estudar e pesquisar com mais clareza.E vou recomendar para outros que o façam. Parabéns pelo trabalho!!!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Elizabete 07-11-2013 11:33
Me amarro nas publicações de vocês. Aprendendo muito por aqui! ;)
Responder | Responder com citação | Citar
0 # altamires 07-11-2013 11:26
sou catequista e amei,saber q temos mais um site católico....é uma pena os nossos irmãos de outra religião não nos respeitarem. mas não se joga pedra em uma árvore q não da fruto....
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Sobre bruxas queimadas e neurônios tostados | Garotos Pejoteiros 07-11-2013 11:11
[...] - See more at: http://ocatequista.com.br/archives/6097#sthash.vdTZ7oK5.2WQYqZ0e.dpuf [...]
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Jonathan 07-11-2013 11:06
Sempre gosto de lembrar. Nos países que foram colonizados por países católicos (os na América latina, colonizados por Portugal e Espanha) há índios até hoje. Os colonizados por países protestantes (EUA, canadá entre outros, colonizados pela Inglaterra) os índios foram exterminados.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Leandro 08-07-2013 05:10
Mais alguns fatos interessante a se analisar. Qualquer historiador politicamente correto vai citar como "prova" da caça às bruxas, o Malleus Maleficarum. O que os historiadores politicamnete corretos não dizem é que o Malleus Maleficarum foi condenado pela Universidade de Colônia e colocado no Index Librorum Prohibitorum (o famoso Índice dos Livros Proibidos). Mais algumas observações.. Como está no texto, a maioria das bruxas foram queimadas no território que hoje corresponde à Alemanha. Vejamos os condados campeões em caça às bruxas: Segundo, a medievalista Sandra Miesel: “The regional tolls demonstrated the patchwork pattern of witch-hunting. The town of Baden, Germany, for example, burned 200 witches from 1627 to 1630, more than all the convicted witches who perished in Sweden. The tiny town of Ellwangen, Germany, burned 393 witches from 1611 to 1618, more than Spain and Portugal combined ever executed. The Catholic prince-bishop of Wurzburg, Germany, burned 600 witches from 1628 to 1631, more witches than ever died in Protestant Sweden, Norway, Finland, and Iceland combined. The Swiss canton of Vaud executed about 1,800 witches from 1611 to 1660, compared with Scotland’s toll of between 1,300 and 1,500 and England’s toll of 500. The claim of some Catholic apologists that Elizabeth I executed 800 witches a year is gross slander. In Southwest Germany alone, 3,229 people were executed for witchcraft between 1562 and 1684 — more than were executed for any reason by the Spanish, Portuguese, and Roman Inquisitions between 1500 and 1800. (All three of these Inquisitions burned fewer than a dozen witches in total.) The most-dreaded lay witch-hunter was Nicholas Remy, attorney general of Lorraine, who boasted of sending 900 persons to the stake in a single decade (1581-1591). But the all-time grand champion exterminator of witches was Ferdinand von Wittelsbach, Catholic prince-archbishop of Cologne, Germany, who burned 2,000 members of his flock during the 1630s.” http://www.crisismagazine.com/2012/who-burned-the-witches-2 Segundo este mapa do Sacro Império Romano-Germânico de 1618, Baden era metade católico e metade protestante, Ellwangen era um condado católico, Würzburg era católico e Vaud (em alemão, Waadt) era um condado protestante (ah, Vaud hj é um Cantão da Suíça). Ou seja, um condado protestante (Vaud) matou mais bruxas que os dois condados católicos — Ellwangen e Würzburg — juntos. Mas o Campeão de caça às bruxas foi o príncipe-arcebispo de Colônia, Ferdinand von Wittelsbach.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Lara 21-03-2013 13:38
Olá gente! Vcs poderiam também fazer um post sobre o homossexualismo nessa época? Tô cansada de um monte de feministas ficarem falando que as mulheres e os homossexuais foram os que mais sofreram, especialmente estes últimos, que sofriam a maior pena na Idade Média...
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Pedro Vinícius 14-03-2013 19:23
Que massa, tava realmente sentindo falta de um site católico/jovem/comprometido assim atualmente. Deus seja louvado. Achei a matéria fantástica. Estarei rezando pelo site. Shalom!!!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # A Catequista 14-03-2013 21:16
Pedro, agradecemos demais as suas orações. A Paz de Cristo!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Janislei Fernandes 12-11-2012 23:34
Oremos pelos TdJ.*-*
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Janislei Fernandes 12-11-2012 22:28
Cadu, realmente não sabia. Obrigada.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Janislei Fernandes 12-11-2012 20:02
Mas é sim que eles induzem católicos ingênuos mau informados no portão, lançando suas iscas, de cordeiros à lobos.kkkkkk Depois que começa o estudos ai vemos as mordidas. Mas em cada oração de abertura dos estudos pedíamos o Espírito Santo para abrir nossas mentes, aonde Deus me conduziu a plena Verdade que é a Igreja de Cristo Católica Apostólica Romana Carismática. Como diz Pe Zezinho: Não troco minha fé por outra fé. É assim que que viverei até a Vinda De Nosso Senhor Jesus Cristo! Esse curso só serviu para eu ter mais curiosidade em buscar a verdade sobre minha religião.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Cadu Sindona 12-11-2012 21:08
Jani por favor tire o "Carismática", talvez você não quisesse, mas aí você me pareceu fazer a uma apologia como se a houvesse uma Igreja falsa (não-carismática) e outra "verdadeira" (carismática). Jani sempre que você for professar sua fé use os Credos: "Creio no Espírito Santo, na SANTA IGREJA CATÓLICA...." "Creio na IGREJA, UNA, SANTA, CATÓLICA E APOSTÓLICA..." Nunca acrescente um carisma ao nome da Igreja amor, isso é heresia, é que você não sabia, ou não percebeu, agora por favor não repita linda. ;] Sobre os TdJ Jani, eles são entre os hereges, um dos mais terríveis, sua doutrina foge inclusive da fé no Deus Uno e Trino.... Oremos por eles. Pax et ignis!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Janislei Fernandes 12-11-2012 11:07
Realmente muito esclarecedor! Quando tinha 15 anos, fiz um curso bíblico com as testemunhas de Jeová, e eles sempre atacavam a Igreja à respeito da Inquisição, claro não concordava com àquelas falácias.Mas não tinha o conhecimento certo da verdade, por isso não sabia defender a Igreja de Cristo.(Graças a Meu Bom Deus e a canção nova não mudei de religião). Abraços.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Eduardo Araújo 12-11-2012 17:45
Cara Janislei, Curso bíblico com as testemunhas de Jeová?!?!? São, apenas, os maiores falsificadores do texto bíblico (yes! falsificadores, mesmo). Nem quero imaginar o conteúdo dado nesse curso. [acionar modo ironia] Sobre a postagem, a conta, no imaginário popular, passou prá 5 milhões de bruxas queimadas pela Igreja Católica, devido à misoginia, conforme se aprende do maior historiador de todos os tempos - Dan Brown - e maior obra-prima da história - O Código Da Vinci. [desacionar modo ironia]
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Cadu Sindona 12-11-2012 18:39
Verdade Jani?? Meu Deus sério o negócio hein?? Tremenda heresia anti-cristã os TdJ. [Acionar modo ironia] (adorei kkkkkk) Eduardo, Dan Brown é tão inteligente que suas pesquisas "factuais" se restringem a uma única página denominada "Fatos" pois ele é tão condensativo que para falar verdades incontestáveis demora-se só uma página. GÊNIO! BRAVO! [Desacionar modo ironia] (adorei também kkkkk)
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Waldeise Cabral Furlan 31-10-2012 15:03
Boa tarde gostaria de receber suas publicações via email...conheci vcs pelo face...Muito obrigada.. SALVE AMARIA..A IMACULADA CONCEIÇÃO....
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Edson Santana 16-07-2012 17:31
Ótimo texto... Paz e Bem!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Luiz Guilherme 04-07-2012 13:22
Eu sempre desconfiei da história contada pelos professores, livrinhos do ensino médio e TV. A Igreja de Cristo não podia ter vivido um episódio de tamanha atrocidade, não podia! Mas que fontes eu tinha para refutar todas as acusações? Nenhuma, e era bom que eu não tivesse não é mesmo? Eles falavam para mim que era essa a verdade, que a Igreja matou milhares e que era para eu aceitar. Indignado eu busquei saber mais e descobri a verdade, confesso que até desconfiei desses relatos tão favoráveis a Inquisição. E conforme esses textos vão surgindo, por meio de autores diferentes, vai ficando mais claro que a desonestidade das pessoas é enorme e que a Inquisição foi sublime!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Paulo Ricardo 05-07-2012 00:53
A imagem negativa da Inquisição serviu principalmente aos interesses de Protestantes, iluministas e comunistas, nesta ordem. Lembre-se que nossa primeira maior influência cultural foi da França iluminista, seguida por Inglaterra e por fim EUA. Esses três países são os maiores detratores históricos do catolicismo. Veja como em países como Polônia e Itália a consciência sobre a Inquisição é diferente.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # André 20-07-2012 23:14
Realmente... Isso me lembrou um de meus profs de geografia do cursinho (tenho 2, o outro é católico praticante e antimarxista, além disso ele dá Geofísica, Geografia Ambiental e do Brasil, então nem caberia críticas à Igreja, graças a Deus: "Se você vir uma ilha de calor na zona rural, uma rocha no estado líquido, ou uma chuva de nuvens brancas no céu, pode correr que é o fim do mundo, é o comunismo" kkkk). Já o teacher problemático, logo no 1º dia de aula fez uma bela comparação entre o Brasil e os EUA, uma coisa EMOSONANTE: "o brasileiro, como é católico, vai pelo 'se Deus quiser', fica com a bunda sentada e quer tudo na mão; como o americano é protestante, ele sabe que tem que correr atrás, trabalhar pra se dignificar, é uma fé mais racional, pois sua gênese foi no ápice do movimento antropocêntrico renascentista"). Achei que ele talvez fosse um "comuna moderado", mas quando vi, de relance, O LINDJO protetor de tela do notebook dele (uma foto muito heroica do famigerado São Che Guevarra de Sant'Ana Galvão, Santo Mártir Cubano), decidi usar o período da aula de Geografia Geral pra dormir e pensar seriamente de desistir de Humanas (calma, não desperdiço o dinheiro de meus pais, tenho 20% de desconto no cursinho e assisto compenetrado as aulas de todas as outras matérias, acaba compensando ;)... [meu intuito com esse comentário foi apenas mostrar-lhe a comparação que meu prof fez entre BR/EUA, pra ratificar o nível intelectual de certos seres que vomitam nas salas de aula do século XXI! Não precisa fazer nenhum post, pelo amor, já tô com vergonha de tanto ver meu nome na página inicial dO Catequista kkkkk] (ps: o teacher problemático, além do meu cursinho, da aula no Instituto das Salesianas Filhas de Maria Auxiliadora, ou seja, parte da renda mensal do quadrúpede provém de cheque assinado por uma Madre Superiora! E pior: ninguém garante que no colégio Católico ele se intimide e não vomite sua verborragia iluminista) =/²
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Miguel 11-11-2014 11:33
Isso da maioria protestante nos EUA também é questionável. Em primeiro lugar, as maiorias quase nunca são páreo para uma minoria bem articulada, vide a elite comunista que domina hoje o país, cuja população é notoriamente composta de maioria conservadora. Em segundo, e respaldando o conceito de minorias influentes, o maior grupo religioso dos Estados Unidos, é justamente o católico, como cerca de 65 milhões de fiéis. Logo em seguida vem os batistas, com 40 milhões. Então, apesar de minoria quantitativa, os católicos americanos, pela milenar organização da Igreja Católica, podem possuir muitos méritos nos avanços dos Estados Unidos. Na verdade um deles me ocorre agora: o precedente para se remover a lei que proibia casamentos inter-raciais nos EUA veio justamente do meio católico quando um casal católico formado por uma jovem branca e um rapaz negro, acionou o estado alegando que esta lei cerceava sua liberdade religiosa (Caso Perez vs. Sharp, 1948). O argumento baseou-se no fato de que a Igreja Católica não possui restrição nenhuma de natureza racial. Uma vez obtida a vitória e recebida a licença de casamento, o casal abriu caminho para outros tantos casais. Como consequência, o racismo, grande mal que atinge do povo americano, sofreu um significante revés e a sociedade teve um grande avanço em suas leis.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Cadu Sindona 04-07-2012 17:43
Luiz, a Inquisiçao foi o instrumento que a sociedade feudal encontrou pra tentar ponderar e garantir que certos crimes passassem por um julgamento. Mas também ouve homens dentro dela que buscar seu interesse proprio e causou problemas e manchas mas é menos de 5% do q contam nas escolas.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Cadu Sindona 04-07-2012 11:21
O problema maior César é a falta de ética desse povo. A Igreja é caluniada por todos os lados mas isso como disse Nosso Senhor deve ser motivo de alegria porque significa que estamos fazendo o certo. Um dia, naquele último dia, tudo ficará claro e a justiça de Deus será infinita. A Igreja enquanto esse dia não chega, precisa continuar a caminhar nas estradas do mundo rumo ao céu. Fantástico Paulão e Vivi! Praedica Verbum!
Responder | Responder com citação | Citar
0 # César Guerra 04-07-2012 09:01
O problema é que a carapuça não serve nos nossos evangélicos e protestantes. Eles dirão: mas eu pertenço à Igreja Batista Renovada do Poder de Deus na Família - Betel, fundada pelo obreiro João da Silva ano passado e não tenho nada com isso.
Responder | Responder com citação | Citar
0 # Anna Karla Almeida 04-07-2012 12:02
muito boa César! Justamente isso!
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade