São Longino – o primeiro cristão não judeu da história

longinusE aí, meu povo!

Vamos falar um pouco hoje sobre um santo muito querido, mas do qual muito pouco conhecemos, além de sua participação na Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo.  Vamos falar de São Longino, ou Longuinho, como ficou conhecido por todos nós.

Pouco se sabe da vida pregressa de São Longino, não há relatos sobreviventes de seu serviço no exército romano, de sua vida ou sua família. Mas há registros sobre a vida deste grande Pai da Igreja após a sua conversão única, aos pés da cruz de Nosso Salvador, e a melhor fonte é a Legenda Áurea (saiba mais aqui).

O relato sobre a paixão e o papel de Longino todos nós já sabemos. Era o centurião romano que perfurou o lado de Jesus, de onde minou sangue e água. Longuinho caiu de joelhos e tornou-se o primeiro cristão não judeu da história.

Longino, muitos não sabem, padecia de uma doença não determinada nos olhos. Podemos apenas conjecturar o que fosse – catarata, glaucoma, astigmatismo –, pouco importa, o importante é que o sangue e a água de Cristo o curaram instantaneamente ao tocarem em seus olhos, tendo escorrido pela sua lança (que aliás, diga-se, é um dos artefatos cristãos mais perseguidos da história, junto com a cruz, o manto sagrado, o santo sudário e o cálice sagrado).

Renunciando à sua condição de militar do império de César, foi instruído pelos apóstolos (não há relatos de que estava presente em Pentecostes) e partiu para levar o Santo Evangelho para as populações da Cesaréia e da Capadócia, onde foi responsável pela conversão de  muitas ovelhas ao rebanho de Cristo, durante 28 anos de vida apostólica.

Foi aprisionado pelo Governador provincial romano, que queria obrigá-lo a fazer os sacrifícios protocolares aos deuses pagãos romanos. Longino recusou-se. O Imperador mandou então que sua língua fosse cortada e  que quebrassem seus dentes. Por obra de Deus, depois de sofrer tudo isso, Longino ainda era capaz de falar e ,em um ato de desafio inumano, quebrou os ídolos do templo em que estava dizendo:

– Veremos se são realmente deuses!

Demônios teriam saído dos ídolos e entrado no corpo do Governador, que começou a gemer e latir. São Longino os interpelou:

Por que vivem dentro dos ídolos?

Ao qual responderam:

– Nossa habitação é onde não se fala o nome de Cristo e nem se faz o seu sinal.

Depois disso, Longino se dirigiu ao Governador, enlouquecido, latindo e cego e falou ao seu espírito:

– Se não me matares, não serás curado. Logo assim que eu receber a morte de tuas mãos, rezarei e conseguirei para ti a saúde do corpo e da alma.

Assim foi feito. São Longino foi decapitado por ordem do Governador. Este prosternou-se em lágrimas e fez penitência, recuperando de imediato a saúde. Arrependido, o Governador, até o fim de sua vida, praticou as boas obras.

No Brasil e na Espanha, comemora-se a festa litúrgica de São Longino no dia 15 de março. A paz de Deus para todos. Salve a Santa Mãe de Deus.

Obra de referência: VARAZZE, Jacopo. Legenda Áurea: Vida de Santos. Cia. das Letras, 2006, p. 296.

51 comments to São Longino – o primeiro cristão não judeu da história

  • Leide

    Bom dia pessoal, primeiramente gostaria de parabeniza-los pelo excelente trabalho, acompanho o blog todos os dias!Vocês levam a Mensagem de Nosso Senhor e da Santa Igreja de uma forma sem igual.
    Mas agora eu gostaria de tirar uma duvida, São Longuino ou Longuiho é aquele dos pulinhos?
    E de onde surgiu essa “tradição” dos tais pulinhos?
    A Paz de Jesus e o Amor de Maria!

    • Sim, Leide, é o santo dos três pulinhos.
      Quando eu era criança e perdia alguma coisa, vivia recorrendo ao santo e dando meus três pulinhos, mas graças a Deus, quando cresci, parei com essa infantilidade.

      Ouvi falar – não tenho fontes seguras – que São Longuinho, de pois de morto, ajudou a comunidade cristã a achar a sua cabeça, que havia sido jogada em uma vala. Aí o pessoal começou a pedir ajuda a ele quando perdia algo. Agora, os três pulinhos… não sei de onde tiraram isso. Como tá dizendo o nosso amigo David aí em um dos comentários, é uma das manias herdadas da Portugal.

  • David A. Conceição

    O catolicismo brasileiro herdou “manias” de Portugal que nada tem a ver com a ortodoxia da Igreja. Talvez seja esse o ápice da dificuldade de fazer apologética com os protestantes. Ao invés de dar pulos [ aliás coisa que o inimigo adora ver quando a fé católica é debochada ] nada melhor do que fazer orações e penitências para confiar na intercessão de São Longino.

  • Daniel

    Sugestão – Como está perto o dia de S Jorge (outro santo q no nosso país foi bastante sincretizado e consequentemente avacalhado) poderia rolar um post sobre a vida dele

    Abraços

  • frederico

    E a historia dos pulinhos donde saiu????????

    • Frederico,
      Acho que ninguém sabe ao certo de onde veio o lance dos três pulinhos. O David, num comentáiro acima, disse: “O catolicismo brasileiro herdou ‘manias’ de Portugal que nada tem a ver com a ortodoxia da Igreja.”

      Então, provavelmente foi um costume tosco que surgiu e virou modinha, mas que, de fato, não tem nada a ver com a história de São Longuinho.

  • Flávia Cabral

    Aqui em casa, sempre recorremos ao santo quando não encontramos algo importante. Coincidência ou não, dá certo. Claro, sem pulinhos depois!

  • Kamyla

    Nossa, que linda história de São Longino! Fiquei muito feliz em conhecê-la. Louvado seja Nosso Senhor!
    Parabéns pelo post 😀

  • A experiência de conversão de São Longino é única… As Sagradas Escrituras atestam seu sentimento:

    “O centurião que estava diante de Jesus, ao ver que ele tinha expirado assim, disse: Este homem era realmente o Filho de Deus.” (São Marcos 15, 39)

  • A experiência de conversão de São Longino é única… As Sagradas Escrituras atestam seu sentimento:

    “O centurião que estava diante de Jesus, ao ver que ele tinha expirado assim, disse: Este homem era realmente o Filho de Deus.” (São Marcos 15, 39)

    “Vendo o centurião o que acontecia, deu glória a Deus e disse: Na verdade, este homem era um justo.” (São Lucas 23, 47)

    Interessante como ambos os Evangelistas tratam esse momento de forma diferente: São Marcos nos fala que eles estavam com medo, bem como São Mateus e São João, mas São Lucas diz que ele deu “glória a Deus”. Acho que São Lucas, por ser médico, relatou aquele momento a partir daquilo que São Longino sentiu posteriormente, não naquela hora especificamente, talvez São Lucas o conhecesse e tivesse falado com ele.

  • Thaís

    Oi!
    Desculpe não comentar sobre o tema, mas gostaria de deixar um vídeo como dica “O GRANDE MILAGRE” e se possível que vocês façam uma matéria com essa pérola de fundo. Segue link no youtube: http://www.youtube.com/watch?v=1m29TpkFLa4

    CRISTÃOS, NÃO DEIXEM DE ASSISTIR! É BOM DEMAIS…
    PAZ E BEM!

  • Sávio Breno

    Outra dúvida que eu tenho é por que em algumas imagens São Longuinho é representado em vestes de centurião e a Lança em mãos, e em outras com um capuz preto e uma lanterna nas mãos?

  • Edith Andrade Araujo

    Sou devota à são Longuinho e não acho que os tres pulinhos sejam deboches…acho sim que são pulos de pura alegria por ser atendido por esse santo tão milagroso…A imagem que possuo não tem espada nenhuma..tem sim um cajado e uma lanterna na mão.

  • Roseli

    São Longuinho é reconhecido pela Igreja Católica? E qual é o seu dia? Desculpe a falta de informação de minha parte.

  • Ramon A.

    Boa tarde 😀
    Gostaria que me esclarecessem algo.
    O primeiro cristão não-judeu, não teria sido o soldado romano que pediu a Jesus, por carta, para curar seu servo que estava doente, pois se achava indigno de encontrar com Cristo?
    Pax et Bonum.

    • Oi, Ramon!
      Creio que o Paulo Ricardo, autor do post e membro da equipe do blog, usou esta expressão justamente no sentido estrito de “cristão batizado”.
      Copiei e colo aqui o comentário que o leitor Demerval Junior publicou na nossa fanpage:

      “…houve outros seguidores (…). Mas certamente ele foi o primeiro BATIZADO da Igreja – não na modalidade de batismo que havia até então, mas o batismo profetizado por Jesus: ‘na água e no Espírito’. Esse é o batismo da Igreja que alveja na água e no sangue do Cordeiro. Pensa que honra: ser ENSOPADO com o sangue e a ‘água’ que jorraram do lado do Senhor morto!… Não é fraco não, hã?”

  • Weber Feu

    Será que os tais três pulos não poderia ser uma mistura com a história da decapitação de São Paulo, cuja cabeça bateu três vezes no chão?

  • Guilherme Alberto

    Jurava que era só pra rimar:
    “São Longuinho, São Longuinho, se eu achar dou três pulinhos” 😛

  • Amigos,Frederico, segundo os estudiosos dos mistérios do cristianismo, dá-se pelo fato do local onde JESUS foi crucificado ser um local montanhoso, e ser o local onde fincaram a CRUZ de JESUS o mais alto. Fato que dificultou o centurião romano ( São Longuinho) perfurar de imediato o lado direito de JESUS, dai ele teve que dar vários PULOS até alcançar o lado direito de JESUS (seu CORAÇÃO): Não se sabe quantos pulos ele deu, quem sabe deu só tês, né! Daí vem essa crença dos três pulinhos…que no meu ver tem uma certa lógica, e não certas “manias”, com alguns se posicionam diante dos mistérios de DEUS!

  • Além do mais, esse ato de São Longuinho foi decisivo para a restauração do Cristianismo, porque até aquele momento JESUS já estava morto e tudo consumado…Mas ao enfiar a lança no CORAÇÃO de JESUS – JORROU SANGUE E ÁGUA.. dai ele percebeu que Jesus estava VIVO, e reconheceu que ele era o FILHO DE DEUS! É por isso que termos a crença de que ele (São Longuinho) recupera o perdido se dermos três pulinho…
    ********

  • … os três pulinhos é sua memoria pelo o que foi achado, recuperado, etc.

  • Roseli

    Eu só quero agradecer por várias graças alcançadas.Fiquei feliz pelos comentários,tenho muita fé no santo São Longuinho.obrigada.A Paz esteja com vocês.

  • Margarida Freitas

    Acabei de entrar em “O catequista” e amei. Minha filha é devota de São Longino e eu a vejo sempre nos pulinhos. Conhecia sua história e tenho sua imagem no quarto dela,mas o porque dos pulinhos achei muito interessante. Que São Longino encontre a paz para os homens da Terra!

  • EDNA CRISTINA DE JESUS

    Divulguem mais a história dos santos que são perseguidos pelo fato dos umbandistas os terem em seus terreiros. S.Jorge é extremamente perseguido por evangélicos. A globo fez uma novela chamada:salve jorge e eles fizeram campanha contra a novela porque a novela era dedicada a um demônio,um orixá etc.Esta novela colocou são jorge numa visão extremamente anticatólica,mais pra macumba mesmo.Uma vez uma colega testemunha de jeová e sua família estavamos falando sobre bíblia e o pai dela começou a debochar de mim e dizia que eu tinha esquecido de trazer a espada de são jorge(uma planta)junto com a Bíblia.Então expliquei que os escravos colocavam são jorge e os santos na umbanda e foi a umbanda que copiou o catolicismo,batizando eles com nomes de ORIXÁS! daí eles entenderam.Outro dia um outro evangélico começou a dizer:”amanhã é dia dos macumbeiros distribuir balas de são cosme e são damião as crianças(balas dos demônios)então eu disse:”são cosme e são damião não são demônios foram 2 médicos que morreram por se converter a cristo e a umbanda quem colocou o nome deles nas balas.

  • Adriano Oliveira

    Obrigado pelo artigo! Sou Católico e não sabia dessa história! Vou procurar conhecer mais sobre o assunto!

  • Susana Rossa

    Até hoje, aos 56 anos, recorro aos pulinhos para São Longuinho, que sempre, sempre mesmo, me responde com sua santa ajuda!!! Amo São Longuinho!São Longuinho, rogai por nós!

  • Cleide

    Paz e bem!

    Obrigada por este lindo artigo. Me enriqueceu e aumentou minha devoção neste Santo querido, que aprendi a amá-lo com minha mãe, e confiar em sua poderosa intercessão. Tenho uma pequena imagem dele. Quantos aos pulinhos, sempre dei, mas foi de alegria pela graça alcançada.

  • José Ricardo

    Me encanta, a pergunta:Porque vivem em Idolos?Podemos nos perguntar Também;por que somos apegados a tantas coisas desnecessárias?,buscando algo em pessoas,estatus,emfim,em realmente Idolos.
    E essa,resposta:”Nossa habitação é onde não se fala o nome de cristo,e nem se faz seu sinal”.Em Quantas casas,e quantas vezes o sinal de cristo é anunciado?.
    Independente da quantidade,este sinal deve ser vivido,a cada dia,através de sua misericórdia,para com nosso próssimo.”Eita como é difícil, né?”.Más é simples,como aconteceu com Longino.

  • sao logino era de origem armenia.

  • Salve São Longuinho – não sabia que também era conhecido por São Longino – devo-lhe muitas graças e até hoje nunca deixei de achar algo quando a ele recorri. Orgulho-me de minha religião católica e ele nela existir. Paulo Costa

  • Elizete Tavares Gasparino

    Amei conhecer a história..ainda não conhecia. Muito obrigada!

  • Ataide Amorim

    Uma história que encanta qualquer cristão.

  • madelon

    Sempre fui devota de São Longuinho e fiquei muito feliz conhecendo mais detalhes da sua história. Algumas de suas relíquias se encontram em Mantova/Italia, cidade em que vivi por anos sem saber disso. No ano passado, meu marido, que é mantovano me informou da visitação que ocorre uma vez por ano e infelizmente eu estava no Brasil.Com certeza, quando eu voltar lá,neste mês ainda, me sentirei privilegiada e poderei fazer minhas orações e agradecimentos ali, o sentindo bem perto de mim, como sinto Jesus e Maria em meu coração!

  • O catolicismo, infelizmente, foi construído com muitas crendices. O povo absorveu essa forma de crer e isso dificulta muito a adesão á fé católica pelas novas gerações. Precisamos entender que à medida que a humanidade adquire mais conhecimento menos campo há para crendices e manias. A igreja fundada por Cristo será aos poucos depurada desses excessos, para glória de seu nome e para o bem da humanidade.

  • Os católicos temos que reaprender a ser cristão, eliminando as crendices e manias religiosas herdadas de nossos antigos colonizadores e mantidas pela tradição. As novas gerações querem uma fé mais racional ( Fides et Ratio).

  • Guilherme Afonso

    Como é a imagem de São Longuinho?

  • Bela história, não é à toa que o grande milagre de Lanciano deu-se na igreja dedicada a este grande homem santo. Parabéns a todos do “O CATEQUISTA”.

  • Olha ai, caramba, sempre tive a curiosidade de saber deste cidadão, pois ele foi designado para certificar-se de que Jesus Cristo estivesse morto, furou seu lado e água e sangue saíram do corte e banharam o soldado, não sabia que era ele.
    Um outro que se tiverem notícias é do soldado que ficou por alguns instantes sem orelha (ia dizer outra coisa, hehehe) pois São Pedro decepou ela, mas Jesus ainda assim, mandou a Pedro que guardasse a espada e colocou a orelha em seu local de origem como se de lá nunca tivesse saído.

  • Odir de souza

    Só queria saber que lado realmente ele atingiu Jesus e se Jesus já estava morto

  • A Paz do Senhor esteja contigo.
    Peguei algumas informações para publicá-los no meu blog, ok? Se houver problemas apagoa-lo-ei… Deus te Abençoe.

  • Juliana

    Bom dia! Estou doida por esse livro, mas ele não está disponível em nenhum dos locais que procurei para comprar. Se souberem onde posso encontrá-lo, peço a gentileza de me informarem… Obrigada!

  • Ronaldo N. Longuinho

    Os comentários sobre o santo São Longuinho, foi muito rico e proveitoso para mim, pois tenho o sobrenome de Longuinho, e a Família e enorme no Bairro de Guaianases – São Paulo. Valeu

  • Raul Gabriel

    Gostei das informações, mas vocês poderiam me ajudar um pouco mais na minha pesquisa quanto as fontes desses relatos, onde posso encontrar ? Desde já obrigado

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>