Catolicast 06 – Filmes que nos inspiram

Oi Povo Católicoooooo!!!!!

E chegou a hora de mais uma estréia!!!! Importamos uns malucos da cidade de Niterói no Rio de Janeiro e agora temos um novo podcast: o Catolicast!!! Todo terceiro sábado do mês, aqui em O Catequista. Claro que nada é normal por aqui, então este episódio já é o 6! O link para os anteriores está aí embaixo!

Catolicast 06

INTERROMPENDO O SEU BANHO DE SÁBADO!!!!!!!! Sim, o Catolicast está aqui estreando em casa nova! Vitor Quintes e André Brandalise (Projeções de fé, alô brandalise e Vagápolis) falam de filmes seculares que passam valores Cristãos! SEM SPOILERS (nem mamilos) VIOLENTOS!

Neste Catolicast: Aprenda como funciona o Oscar, saiba que Rocky é um filme legal, perceba que Toy Story cresceu junto com você (ou junto com seu filho) e aprenda que o cinema nacional também faz filmes com valores!

 

CLIQUE NO PLAYER PARA OUVIR!

[display_podcast]

 

FEED PARA iTUNES (e outros leitores de Podcast):

Claro que deu problema… então aguarde novidades!

 

FILMES CITADOS NESTE PROGRAMA:

 

LINKS IMPORTANTES OU CITADOS NO PROGRAMA:

21 comments to Catolicast 06 – Filmes que nos inspiram

  • Só para complementar, no meni das Tags, tem um especial sobre filmes. Lá eu comentei e deixei o link sobre um filme muito bom também, apesar de estar aparentando um xarope com esta insistência,(mas, aliás o filme é bom mesmo, porque meu filho com 3 anos e meio, não cansa de assistir, já é a nona vez que eu vejo o filme, já sei de cor, mas cada vez que assisto, me eleva o espírito) sobre São Filipe Neri, contudo comento e coloco os links do youtube novamente aqui, pois como aqui falou novamente em filme, se por ventura tem alguém aparecer para ou só escutar, ou escutar e ler os comentários, quem sabe, além de assistir a lista já citada acima (que é de peso), tem também mais esta sujestão. Nome do filme São Filipe Neri, eu prefiro o paraiso, dublado disponível no youtube:
    parte 1
    https://www.youtube.com/watch?v=Oa4HAMVvAM4

    parte 2
    https://www.youtube.com/watch?v=qPaqDvd8L6U

  • gabriel

    Tem um filme nacional que eu acredito ser muito bom e também pouco valorizado. Ele se chama ” o contador de historias” e acho que mostra uma história muito bonita de superação 🙂

  • Não é um filme, é apenas o mais belo musical que eu já ouvi. Nunca poderei visitar, mas basta isto escutar.
    https://www.youtube.com/watch?v=XAK-P6EFheU

  • Sidnei

    Alguém já percebeu que nas Cronicas de Narnia, o garoto mais velho dos quatro irmãos, e que depois liderará a todos e sempre estará em companhia de Aslam, tem o nome de Pedro. O autor de as Cronicas de Narnia podia ter sido protestante, mas que deixou dar uma escapada da doutrina católica nesta sua estoria, a respeito do mistério petrino, parece que houve, se foi intencional ou não, isto eu não sei, mas que me chama a atenção a este detalhe, me chama e muito.

    • Larissa R.G.

      Tem razão, seu irmão era rei e suas irmãs rainhas, mas ele era o grande rei! Mas o protestantismo do C.S.Lewis era Anglicano tradicinal, que comparado a outros, tem muito de crenças católicas. não é triste? Tanta gente separada da Igreja pela falta de vergonha do rei Henrique… A amizade com Tolkien também deve tê-lo influenciado. Acredito que C.S.Lewis não foi católico por uma questão de circunstâncias, não de protesto.
      Usar o nome Pedro é mesmo emblemático, e nos livros, a liderança dele é marcante, ainda mais que nos filmes.

    • Victor

      Além da referência a Pedro, eles são quatro irmãos por causa dos quatro evangelhos que apresentam Cristo ao mundo, mas são guiados pelo apóstolo.

      Se não me engano Lewis estava em processo de conversão quando faleceu. 🙁

  • Luan

    Hellppp
    Não consigo baixar

  • André Luiz

    Sou carente para encontrar bons filmes que inspiram os bons valores cristãos. Há poucas opções no mercado.

    • André Luiz vai no blog Projeções de fé(link lá em cima) lá tem ótimos filmes!

    • Janes

      Eu não tenho (por ora) sugestão de filme, mas tenho uma sugestão de vídeo-depoimento que bem daria um belo filme (até cômico) se algum cineasta criativo pudesse pegar esse testemunho e bolar uma narração bem bacana.

      A coisa me tocou por tres motivos:

      1) O jeito bem popular e a imensa simplicidade da pessoa que está testemunhando o poder de Deus no vídeo (é um filho espiritual do Padre Paulo Ricardo);
      2) E a profunda autenticidade da vocação sacerdotal desse jovem, pois como Jeremias ele praticamente “brigou” e “teimou” com o Senhor, tentando resistir mas sentindo a “voz que queima dentro”. E é notável, nesse testemunho, como a masculinidade viril e forte e a paternidade amorosa e quente desse rapaz, foram justamente (ao contrário do mito popular) a grande matéria prima de sua vocação celibatária e sacerdotal!
      3) E a mão de Deus visível (por meio de Maria) trabalhando na vida de um cara que tinha tudo para ser um sociopata completo caso fosse deixado entregue ao seu contexto violento em que foi criado.
      Muito bonito mesmo o vídeo! Vale à pena ver e divulgar!
      https://www.youtube.com/watch?v=TWnD_RIxo-I

  • Daniel

    Os Miseráveis é meu filme favorito (barrou Senhor dos Anéis) e minha animação da Disney favorita é O Corcunda de Notre Dame… ambas de Victor Hugo. Preciso ler Victor Hugo ^^

    Detalhe: o cara era ateu, agnóstico, algo assim… não era cristão

  • Yara Cristina

    Alex,o filme “Felipe Neri eu prefiro o paraíso é um dos filmes religiosos mais encantadores que já vi.Achei um barato o seu filho de três anos gostar tanto do filme!
    Vitor,obrigada pela indicação do blog.Visitei e gostei muito.

    • de nada… #tamojunto dia 18/04 tem mais catolicast.

    • Cara Yara Cristina, o filme é muito bom mesmo. Agora, outra dica, se puderes, assista também ao filme do Padre Pio de Pietrelcina, não te arrependerás, e eis que ele é um santo da atualidade. E para quem não acredita muito, saiba que lá o caldo é grosso, pois além de todos os relatos, seu corpo é incorrupto e está a mostra para veneração. Só para constar, tenho um conhecido que estudou em Roma, e ele conta que uma moradora do mesmo prédio que ele foi a San Giovani Rotondo, onde está o corpo do Padre Pio, pedir a ele que intercedesse pela cura do marido, que estava com câncer terminal. Ela mesma conta que chegou lá, fez o pedido, instantes depois um cheiro de rosas tomou conta de todo o lugar, todos podiam sentir, foi então que alguém falou, se o pedido for feito, e aceito, no mesmo instante isto ocorre. Detalhe, ninguém sabia a quem o pedido tinha sido concedido, mas, quando tal mulher chegou em casa, viu seu marido com uma disposição de dar inveja. Foram ao hospital, e, fazendo vários exames, constatou-se que ele não possuía nenhum resquício de câncer, era como se ele nunca o tivesse tido.
      Este também é outro filme que eu gosto muito.

  • Um filme que gostei muito e recomendo é o God’s Not Dead (Deus não está morto). Confesso que fiquei na dúvida se a Igreja do filme é católica ou protestante, mas mesmo assim é um filme muito bom. Falei resumidamente sobre ele no meu blog pessoal: http://jesuspaodavida.blogspot.com.br/2015/03/filminhos-para-assistir.html

  • Luiz Campos

    Parabéns pessoal pelo Catolicast, gostei muito alguns dos filmes já havia assistido, mas não tinha tido essa ótica de desvendar os valores cristãos contidos neles. Sucesso e força, para que vocês continuem fazendo este ótimo trabalho.

  • Yara

    Alex,vou procurar por esse filme do Padre Pio que vc me indicou.
    Vi recentemente outro filme que gostei muito.Se chama “Nazarin”,de Luis Bunuel.Gostei porque o filme retrata o padre de maneira muito digna,mostrando a sua fé verdadeira,ao contrário de alguns filmes que adoram mostrar os padres de maneira desrespeitosa.

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>