Papa faz aniversário, mas quem ganha presente é Cuba!

papa_aniversario

Nessa terça-feira (17) o Papa Francisco completou 78 anos. No mesmo dia, o presidente Obama fez um anúncio histórico: depois de mais de 50 anos de rompimento, EUA e Cuba retomaram as relações diplomáticas. E quem mexeu os pauzinhos para que tudo isso acontecesse foram o Vaticano e o Papa Francisco!

O Vaticano, aliás, já publicou uma declaração dizendo que o Papa tá feliz demais da conta, e explicando resumidamente como se deu a intervenção da Santa Sé nesse caso (veja aqui).

Será que isso é mesmo bom? Não seria uma vitória da ditadura cubana? Não no contexto atual. Os governantes da ilha caribenha colocam toda culpa dos profundos problemas sociais e econômicos de Cuba nos “imperialistas dos EUA”; embromam o povo dizendo que se não fosse o embargo, Cuba estaria uma maravilha. Agora não vai ter mais bode expiatório para o falido socialismo cubano!

O embargo ainda permanece – ao menos até que o Congresso americano discuta a questão e vote pelo fim do embargo –, mas algumas trocas comerciais de menor porte (porém de grande relevância) já foram autorizadas. Outras medidas já anunciadas pelos EUA certamente ajudarão a tirar os cubanos da bolha anti-democrática em que vivem:

  • viagens de americanos a Cuba serão facilitadas;
  • vendas e exportações de bens e serviços dos EUA para Cuba serão autorizadas;
  • norte-americanos poderão importar bens de até US$ 400 de Cuba;
  • terão início novos esforços para melhorar o acesso de Cuba à telecomunicação e internet.

Se as viagens dos americanos a Cuba serão facilitadas, o mesmo ainda não foi anunciado da outra parte. Também, pudera: se Raúl Castro abrir a porteira, vai ser uma debandada geral! #Partiu #Miami

Segundo o site G1, um prisioneiro político americano já deixou o xilindró em Cuba, e três agentes cubanos já foram libertados pelos EUA (coitados, esses devem estar pensando seriamente em pedir pra voltar pra prisão, pois certamente se alimentam bem melhor numa cadeia americana do que em sua terra natal). Em 2012, motivado pela visita de Bento XVI à ilha, Raúl Castro já havia libertado 2.900 prisioneiros (saiba mais aqui).

Os americanos já devem estar ansiosos para importar charutos – que é uma das poucas coisas que Cuba tem pra vender, além dos serviços dos médicos escravos – e os cubanos, por sua vez, devem estar sonhando com o fim do racionamento de sabonete, de papel higiênico, de equipamentos elétricos, de alimentos… De tudo, em suma!

cuba_libre_fidel

36 comments to Papa faz aniversário, mas quem ganha presente é Cuba!

  • “os cubanos, por sua vez, devem estar sonhando com o fim do racionamento de sabonete, de papel higiênico, de equipamentos elétricos, de alimentos”… kkkkk
    Bem lembrado gente,o economista Ludwig Von Mises (um dos melhores que eu considero), no seu livro A mentalidade Anticapitalista, afirma esta é uma das consequências nefastas de uma economia baseada na intervenção. Isto porque ao praticar preços e quantidades diferentes daquele em que se operaria no livre mercado, não se estabelece o equilíbrio. Em outras palavras, o planejador central (Governo) é quem determina o número de bens e os preços à serem praticados, e não os consumidores e as empresas (como ocorreria na economia de livre mercado), por isso, da distorção no sistema de bens, entre eles, o racionamento.

    • Baseado em Mises e citando vários exemplos bastante atuais, o “Livro politicamente da esquerda e do socialismo” tb explica muito bem essa questão do preço e da imbecilidade do planejamento central.

      • Carlos

        Mudando de assunto peço a gentileza de divulgar isso para todos os blogueiros da liga: http://www.zenit.org/pt/articles/brasil-disque-alo-senado-contra-aborto-no-codigo-penal

      • Carlos

        Gostaria muito de sugerir que a equipe deste site visitasse este trabalho de alguns jovens universitários espanhóis também voltado à catequese: http://www.arguments.es/

        Creio que esta visita pode trazer dois benefícios:

        1) Gente como a equipe de O CATEQUISTA cheio de zelo missionário, precisa estar cada vez mais articulada com gente que traz o mesmo anseio e missão no coração (a exemplo do que se faz com a Liga dos Blogueiros) também em âmbito internacional. Criar e fortalecer redes globais em vista crescimento da fé, é uma urgência missionária. Se ainda não conhecem, creio que contactar este grupo pode ser um começo.
        2) E a partir dessa partilha de ideais, dons e esforços missionários e catequéticos, pode aumentar-se ainda mais a criatividade que o Espírito tem dado a vocês.

        “Ide pelo mundo todo…’ nos diz Nosso Senhor! Expandir as fronteiras e os horizontes do trabalho evangelizador, sem tirar os pés das realidades concretas onde o Senhor nos colocou, costuma dar um impulso enorme à nossa fé e uma grande vitalidade ao nosso humilde esforço de viver os mandamentos e virtudes cristãs, com a graça de Deus, pois aparece assim mais claramente o sentido de tudo o que somos e fazemos: “até que Cristo seja tudo em todos!”

  • marcos

    ufa, até que enfim.
    mais de uma semana sem post novo. eu já tava à beira de uma crise de abstinência!…

  • Sidnei

    Vida longa ao Papa Francisco.

    Não foi só desta vez que o Papa, a Igreja e o Vaticano foram cruciais nas relações diplomáticas ao longo da história da Igreja. Muitos só lembram da Igreja pelas mazelas práticas por muito de seus filhos, mas as virtudes práticas também por muitos dos seus filhos, ninguém se lembras e aí pegam o mau exemplo dos primeiros e jogam como se fosse o comportamento de toda a Igreja. Seria interessantes algum dia o catequista fazer uma matéria de quantas vezes a Igreja ajudou no âmbito diplomático ao longo da história, evitando guerras e estabelecendo a paz entre as nações e a intervindo até para derrubar regimes como o comunista na época do Papa São João Paulo II.

    Fica aí a dica.

  • Lucas Farias

    Ah , mas são uns malvados mesmo os Papas da Igreja Católica. Sempre intermediando conflitos, alcançando a paz, unindo inimigos… (Sim, estou sendo irônico)

    Viva o Papa, Viva a Santa Igreja !!

  • Davi

    Discordo frontalmente da conclusão do artigo. Já foi mais que provado que liberalização econômica não gera liberdade civil, ex china. Vc terminar com o embargo, embargo só americano pq não existe embargo para o resto do mundo, sem contrapartida humanitária ou sinal significativo do governo cubano em respeito aos direitos humanos, é presentear o mal e apoiar a ditadura.

    O papa deu um presentaço foi para os irmãos castros e os burocratas torturadores cubanos. Espero que o papa tenha sido mal orientado ou seja ignorante em política internacional, caso contrário é um flagrante apoio a ditadura cubana e ao comunismo.

    • Davi, não adianta citar somente a China. Na antiga União Soviética, a abertura da economia gerou, sim, liberdade civil.

      Os socialistas ainda dão as cartas na Rússia, mas convenhamos, a situação para os cristãos é infinitamente melhor. Não ser mandado para trabalhos forçados na Sibéria até o fim da vida deve ser consolador, não é mesmo? A queda do Muro de Berlim foi antecedida de uma abertura econômica por parte de Moscou (a Perestroika) e política (Glasnost).

  • Rodrigo

    O que desanima é ver o grande número de católicos que acham que possuem mais conhecimento que o do Papa. Se o Papa faz A ou B, sempre surgem aqueles que se julgam inteligentes suficientes pra discordar e apontar quais teriam sidos as melhores decisões. Seria um favor se esses católicos pegassem a viola e saíssem da igreja. Podiam usar todo o vasto conhecimento que possuem e entrar pras estatísticas fundando mais uma igreja de esquina.

  • Davi

    O catequista. É essencial citar a china já que ela desmente a teoria por completo. Vc que quer ignorar um fato que desmonta a tese do papa, pq ele revela que o papa ou é burro ou pior. Aliás, a própria URSS é um contra exemplo, liberou economicamente mas continua sendo uma ditadura (mal) disfarçada e que continua uma sociedade materialista com altas taxas de suicidio e abortos. O papa tem que defender a verdade e a verdade é que a ditadura cubana deve acabar, francisco daria orgulho se tivesse feito como João Paulo II e combatido o comunismo e levado uma bala por isso. Por outro lado, ele ainda acabou limpando a barra do obama que é um apoiador do islamismo, abortista e anti-cristão. O papa fez uma grande besteira.

  • Davi

    Rodrigo, o papa não é a Igreja, a Igreja é muito maior que o papa. Se vc acha que o papa é infalível em questões políticas vc é tudo, menos católico. Qualquer leigo que fale a verdade tem mais autoridade que o papa falando mentira.

  • Davi, o que ocorre é o mundo está se tornando aos poucos uma plutocracia- quem detém o dinheiro, detém o poder. Em um país de economia fechada e controlada completamente pelo partido socialista, o governo socialista estará sempre no controle; no entanto, se se abre a economia para os estrangeiros, os negócios locais privados podem prosperar, tirando parte do poder do governo, dando mais liberdade de expressão ao mesmo tempo.
    Isso já vem acontecendo na China, finalmente muitos chineses estáo perdendo o medo e retirando sua filiação, feita de maneira automática, ao partido socialista.
    Este poder completo sobre a economia e os modos de produção (que os professores de história dão ênfase ao se ensinar o termo “modo de produção”) é o que sustenta uma ditadura socialista, é a razão das ditaduras de direita durarem muito menos que as de esquerda.

  • Davi

    Mariana, esta teoria é muito interessante e eu mesmo já acreditei nela, acontece que ela não é verdadeira. O liberalismo econômico, apesar do que dizem os liberais, não conduz a uma liberdade política. A china, apesar de um certo liberalismo econômico, continua uma ditadura, só que agora é uma ditadura mais rica.
    O problema desta teoria é acreditar que capitalismo e comunismo são espécies de um mesmo gênero, o aumento de um representa a diminuição do outro. Ocorre que o capitalismo é um sistema econômico, é o próprio mercado, e o comunismo é um sistema de poder. Eles não são necessariamente antagônicos, posso ter uma certa liberdade econômica junto com uma opressão social-política. Veja o que acontece com a china, na hora que os chineses tentam reclamar o estado reprime violentamente eles, fora o fato que existe um controle absurdo do estado sobre a vida das pessoas, inclusive religioso. O mundo não esta se tornando mais livre, mas mais controlado e estatizado. O que cuba está fazendo é copiando o modelo russo e chines de comunismo, agora com a ajuda do papa e do obama.

    • Rodrigo

      Impressionante! Compreendi seus argumentos, Davi. E o que mais me assusta é que estou vendo o Brasil seguir para o mesmo ponto. O PT aumenta seu poder sobre a economia e política do país (Lei de responsabilidade fiscal burlada) sob máscara de democracia capitalista diante do mundo.

    • Joana

      Davi, eu concordo que liberalização econômica não resulta necessariamente em liberdade política e social, mas nos dois exemplos que você deu, China e Rússia, as coisas estão muito mais amenas do que quando o Estado tinha controle absoluto sobre tudo. Dizer que continua sendo uma ditadura é até aceitável, mas que é exatamente a mesma coisa é demais. Não tem comparação…

      A liberdade econômica é um começo. Antes liberdade econômica do que nada. E não tem como negar que quem é penalizado pelo embargo é a população e não os ditadores…

      • Davi

        Espero que aconteça o que vc disse, mas imagino que ocorrerá o pior, depois dos erros da rússia se espalharem pelo mundo, será a vez dos erros de cuba se espalharem pela américa.

        • Paulo Ricardo Costa

          Estou traduzindo um artigo do the Economist sobre a religiosidade na China. Tem a ver com o tema aqui. Vou comentar ele também. Espero que vocês gostem.

  • Carlos

    “vendas e exportações de bens e serviços dos EUA para Cuba serão autorizadas;
    norte-americanos poderão importar bens de até US$ 400 de Cuba;
    terão início novos esforços para melhorar o acesso de Cuba à telecomunicação e internet” OU SEJA: à medida em que esse processo avançar até o fim do embargo, ao fim e ao cabo será o capitalismo que salvará Cuba do desastre, provando mais uma vez as teses do grande Olavo de Carvalho e outros:
    1) O capitalismo financia o comunismo;
    2) O comunismo real jamais eliminou o capitalismo, pois sabe que é impossível;
    3) Ao grande capitalismo internacional, interessa a sociedade com o comunismo: ele sai ganhando!

    • Paulo Ricardo Costa

      Há um outro aspecto para ser analisado: o Obama está jogando pra galera. No caso, a imprensa mundial e nós, otários, estamos caindo de novo. Ele abriu as negociações mas o fechamento que ele quer depende do Congresso, que, ao contrário do Nosso, não é a Agência de Turismo de Sodoma e Gomorra. Ele tirou a pressão das costas e jogou pra cima dum Congresso que quer moê-lo e bate nele mais do que em acém pra virar filé mignon.
      O cara é muito esperto, de um jeito ou de outro, o bonitão sai como herói.

  • adriano

    salve santo padre , viva tanto ou mais que Pedro!
    desça qual mel do rochedo a bançao paternal!
    hino pontificio

  • Davi A.

    Tenho que concordar com o Davi (meu chara), dada a atual conjuntura, Cuba está, digamos que “resguardada” pelos países membros do Foro de São Paulo, que apoiam a atrocidade da ditadura comunista naquele país, o que impediria qualquer abertura democrática, no contrário caminhamos até nós brasileiros para o caminho bolivariano da Unasul. Sem contar que não encontramos parte significativa da Hierarquia Católica Latino-americana bradar contra o socialismo, como fez S. João Paulo II e Bento XVI, atualmente, até mesmo a CNBB apoia a “Reforma Política”, que todos nós sabemos (não sejamos ingênuos) é um plano dos grupelhos satânicos do PT (conselhos populares) para se perpetuarem no poder. Pode-se dizer que os “capitalistas” poderão ainda mais financiar as atividades de esquerda na América Latina. Vide o que ocorre no Brasil com a fundação Ford, que distribui dinheiro entre as ongs feministas, abortistas, comunistas, inclusive aos comunistas infiltrados na Igreja como o CIMI (Conselho Indigenista Missionário), órgão vinculado a CNBB, que apoia o genocídio das crianças índias.

    Respeitemos o Papa Francisco, ele se assenta na Cátedra de São Pedro, é o Vigário de Nosso Senhor, mas se tratando de Política Externa ele não é infalível. Talvez seja pouco instruído em matérias políticas, como devem ser os nossos bispos que apoiam a Reforma Política. Crer que tudo que o Papa faz é benéfico é até um ato piedoso, mas estamos diante de nossos olhos com outra realidade, que talvez o Santo Padre desconheça.

    Por fim, Nossa Senhora que disse que a Rússia espalhará seus erros pelo mundo, disse também que por fim Seu Imaculado Coração triunfará. Tenhamos fé em Nosso Senhor, Ele venceu o mundo! Quando a Barca parece que vai submergir-se pelas águas, cremos que Nosso Senhor nos assiste para o fim das tempesteastes.

  • Paulo

    Caro Davi, muito bom que esteja por aqui, na pagina do Catequista que muito vem nos ajudando tbm, mas nao tenho duvidas voce esta com a razao ! Somos o povo de Deus, por isso precisamos uns dos outros, e tenhamos olhos para ver e ouvidos para ouvir, nao podemos ficar com o que e menos pior, e sim com a verdade ,so ela liberta ! Isso é Caridade,muito obrigada . Oremos por nosso Papa Francisco,nos podemos ter duvidas sim ! Mas so Deus conhece a sua Verdadeira intençåo !

  • Lucas Casagrande

    Em política muitas vezes mais importante do que o evento em si é a forma como o evento será explorado politicamente no contexto da guerra política.

    Nessa ótica é evidente que se por um lado a abertura econômica não garante a abertura política por outro abre uma possibilidade de escancarar ao mundo a precariedade da situação de Cuba e associa-la ao fracasso do modelo socialista. Nossa prioridade deve ser fazer esse tipo de pressão escancarando os males do socialismo e criar uma rejeição a todo o pensamento comunista-socialista-bolivariano. Só assim podemos obter reais mudanças

    Afirmar que o papa apoia o comunismo é um salto dedutivo grosseiro. Discordar do posicionamento dele é OK, ele realmente não é infalível em questões políticas mas disto a afirmar apoio é um universo de diferença. Falta dizer que ele é TL também agora?

  • Willyan Oliveira da Silva

    Nesse dia o San Lorenzo ganhou o jogo da semifinal do mundial. Só para lembrar mesmo

  • cláudio

    O fim do embargo econômico não depende do Obama e sim do congresso, que por sinal é controlado pelos republicanos e não é nada subserviente ao governo. Mas, sem dúvida alguma, a retomada das relações diplomáticas entre EUA e Cuba é um importante passo para o fim do embargo. E isso ocorreu, como o próprio Obama disse, com a influência do papa Francisco. São João Paulo II entrou para a história como o homem que ajudou, e muito, a derrubar o comunismo na Europa. Talvez Francisco entre para a história como o homem que contribuiu para que o embargo a ilha dos irmãos Castro chegasse ao fim. Mas o que todos nós queremos mesmo, é que ele entre para a história como o homem que ajudou que caísse a ditadura cubana. Ele declarou estar muito feliz com a reaproximação dos dois países, mas não houve nenhuma admoestação pedindo mais liberdade na ilha, como fez João Paulo II e Bento XVI em Havana, na frente dos irmãos Castro.

  • Davi A.

    Porque não se publicam meus comentários… Creio que estejam fazendo um bom apostolado, porém como já disse em questões de política externa o papa não é infalível… O clero latino-americano faz doutorados, mestrados etc… e nem sequer sabem os dez mandamentos (creio que não seja esta a situação do papa Francisco), muito embora existam exceções notáveis à regra. Conversem com um padre ou um bispo e saberão disso, quanto mais saberão de política externa (creio que aí se enquadra o Papa Francisco). Vocês podem contra argumentar dizendo que o papa Bento XVI também era contra o embargo (muito embora ele fosse um culto teólogo etc.,) repito nessas questões o Santo Padre não é infalível, seja Francisco seja Bento etc.
    Creio que essa atitude do Santo Padre foi equivocada…

    Obs: Quando critico os erros que o clero apoia como o CIMI (Conselho Indigenista Missionário), não estou fazendo-o por “tradicionalismo, escárnio etc…” Estou fazendo para que fique bem patente aqueles que conservam o ensinamento e a doutrina de Nosso Senhor dequeles que não o fazem. Para que não se diga pelos anti-católicos a Igreja Católica apoia o genocídio por meio de CIMI etc… Essas criticas servem para que as almas tíbias, como aqueles que querem se converter à Santa Igreja não fiquem escandalizados, pois saberão discernir o que é católico e o que não é.
    Não se precisa publicar esse meu comentário… Mas reafirmo que tudo o que disse nos comentários que já fiz nesse site nada tem de contrário a Doutrina da Santa Igreja e não são por escárnio…
    Que a Ss. Virgem vos abeçôe!

  • Nilson de Resende

    Boa tarde caros amigos Catequistas.

    Poderiam por favor me ajudar a verificar a veracidade das informações contidas no blog abaixo sobre “supostas” declarações do Papa Francisco?

    http://smpquestione.blogspot.com.br/2014/01/nao-ha-fogo-no-inferno-adao-e-eva-nao.html?m=1#.VIxHttLF8pc

    Obrigado.

    Que Nosso Senhor os abençoe.

  • Paulo

    O Davi e David A têm lá suas razões em certos argumentos pois o papa Francisco deveria estar a essa horas fazendo como nosso saudoso Bento XVI e os papas anteriores a ele que detestavam o comunismo e nunca os contemplou senão com todo tipo de sentenças pesadas, como Bento XVI: “Um governo sem princípios ético-morais não passa de uma quadrilha de malfeitores” e quando veio ao Brasil, mesmo S João Paulo II, marretaram o governo anárquico comunista daqui, sem receio algum!
    Seria uma boa ajudar um governo desacreditado do comuno-islamita Obama, dar força a ele ou a seu partido comunista nas próximas eleições que teria sido esse caso de reatar com Cuba e ganhar votos de latinos?
    O partido dele é o PT dos EUA!
    Quanto ao papa Francisco, parece beneficiar partidos de esquerda, readmitir o padre sandinista Miguel D’Escoto, o Alcorão é um livro de paz, essa de receber milícias marxistas no Vaticano – movimentos sociais do Stédile – apoiá-los em lutas por terras, dizer que o terrorista, racista e bruxista Mandela dia 12/12 pp. no Vaticano, à reunião dos Premio Nobel, o papa Francisco destacou o “firme compromisso de Mandela na promoção da dignidade humana de todos os cidadãos da nação e na edificação de uma nova África do Sul construída nos firmes fundamentos da não violência, reconciliação e verdade”, cá prá nós, essa não é dose cavalar?
    Procure na net os atentados a bomba em que o “pacifista” Mandela participou ou ajudou, inclusive na perseguição aos brancos, boers, entoando hinos de morte a eles, como já vi!.
    Há algum partido, jornal ou revista de esquerda malhando o papa Francisco?
    Ao contrario, o saudoso Bento XVI no seu tempo era tachado de tudo de ruim; “apareciam” a cada hora escândalos no Vaticano para o inibir, a TL o fustigava e havia inclusive ameaças de processos contra a Igreja!
    Após sua saída não parece que a tempestade globalista anti Igreja desapareceu?

  • Mário

    Amigos,

    devemos lembrar que o papa Francisco não é só um chefe de Estado, mais também o sucessor de Pedro, o pastor maior da santa igreja de Jesus (católica). O que devemos refletir não é somente os laços comerciais entre Cuba e EUA, mais também a paz reinante entre os esses países pelos laços comerciais. Não nos esqueçamos que a intenção do acontecido está ligada a PAZ entre as nações e não só a politicagem.

  • Sílvia

    Nada disso é mais importante que a promoção da PAZ, La promoción de la paz, The promotion of peace, Tum pacis ipsius provectus, Fremme av fred, La promozione della pace, La promotion de la paix.
    Viva o Papa Francisco, eleito pelo Espírito Santo para governar a Igreja fundada por Cristo. Que a Virgem Maria abençoe a todos e ensine a viver a vontade de JESUS!

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>